Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Segundo a PF, armamento de uso exclusivo da PF e da Forças Armadas foi apreendido no Oeste do estado | Divulgação PF
Segundo a PF, armamento de uso exclusivo da PF e da Forças Armadas foi apreendido no Oeste do estado| Foto: Divulgação PF
  • 1.246 projéteis de fuzil tinham sido confiscados pela PF até as 8h30 desta quarta
  • Sete fuzis, 24 pistolas, três submetralhadoras, sete carregadores de fuzil foram encontrados pela PF
  • Segundo a PF, armamento de uso exclusivo da PF e da Forças Armadas foi apreendido no Oeste do estado

A Polícia Federal (PF) apreendeu, na madrugada desta quarta-feira (6), armas e munições de uso restrito das Forças Armadas e drogas às margens de uma rodovia em Marechal Cândido Rondon, no Oeste do Paraná. No meio de um matagal, os policiais encontraram sete fuzis de modelos M16 e AR15, ambos de fabricação norte-americana, três submetralhadoras israelenses, 24 pistolas, 88 carregadores e 1.246 munições para fuzil. Além disso, foram encontrados 1.341 quilos de maconha e 38 quilos de haxixe.

A polícia suspeita que o armamento e a droga abasteceriam grandes centros, como São Paulo e Rio de Janeiro. Uma pessoa que cuidava do material foi presa durante a operação e encaminhada para a delegacia da PF em Cascavel. A PF não divulgou o nome do acusado. "Pela quantidade apreendida tudo leva a crer que há o envolvimento de várias pessoas", disse o agente Milton Fantucci.

O próximo passo da PF é investigar a rota do tráfico de drogas e armas. "São armas que abasteceriam organizações criminosas, mas isso nós iremos investigar", destacou o policial. Segundo ele, possivelmente o entorpecente e as armas seriam transportados em vários carros, uma tática dos contrabandistas para evitar a apreensão total da material.

Marechal Rondon, município que faz divisa com o Paraguai através do Lago de Itaipu, é rota do tráfico internacional de drogas e armas. Há duas semanas, a PF já havia apreendido 2,2 toneladas de maconha no local.

Prisões

No final da manhã desta quarta-feira, policiais militares de Marechal Rondon receberam denúncias de que duas pessoas supostamente envolvidas com o tráfico que transitavam pela rodovia que dá acesso ao distrito de Bom Jardim, local da apreensão feita pela PF. Os suspeitos foram detidos e confessaram o envolvimento.

Para a polícia, os rapazes disseram que foram contratados por um desconhecido. Andeclobis Gabriel Dias, de 29 anos, e Márcio Schmidt, de 20 anos, foram encaminhados para a delegacia da PF em Cascavel. Uma caminhonete com placas de Santa Helena que seria utilizada para transportar a droga e o armamento foi apreendida.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]