• 21/01/2021 16:04
Epidemia x direito

Aborto mata mais que coronavírus, diz ministro da Educação citando dados da OMS

  • 21/01/2021 16:04
  • PorGazeta do Povo
    O ministro da Educação, Milton Ribeiro.
    O ministro da Educação, Milton Ribeiro.| Foto: Presidência da República / Isac Nóbrega

    O ministro da Educação, Milton Ribeiro, utilizou seu perfil na rede social Twitter, nesta quinta-feira (21), para afirmar que o aborto mata, por ano, mais pessoas do que a pandemia do novo coronavírus. "O novo coronavírus matou um milhão e oitocentas mil pessoas no mundo em um ano. É bastante coisa. O aborto mata em média cinquenta e cinco milhões e novecentas mil pessoas por ano. O primeiro chamam de pior epidemia do século. O segundo, chamam de direito", diz a publicação compartilhada por Ribeiro, texto de autoria do pastor e teólogo Paul Washer. Na sequência, em tom provocativo, o ministro, que também é pastor, presbiteriano, afirma: "para uns poucos que duvidam de dados, chego com remédio que estremece os extremistas que são a favor do aborto: evidência científica". Ele compartilhou dados da própria Organização Mundial de Saúde (OMS) que revelam que, em média, 56 milhões de abortos ocorreram em todo o mundo a cada ano entre 2010 e 2014, pelo menos.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.