Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Estado das aves será avaliado para saber se elas tem condição de voltar ao seu habitat natural | Divulgação/Polícia Militar Ambiental
Estado das aves será avaliado para saber se elas tem condição de voltar ao seu habitat natural| Foto: Divulgação/Polícia Militar Ambiental

65 aves silvestres capturadas ilegalmente foram apreendidas pela Polícia Ambiental de Maringá na cidade de Colorado, no norte do Paraná. Elas estavam no fundo de uma residência, com claros sinais de maus tratos. A maioria das gaiolas estava suja e as rações estavam misturadas com fezes e água. Um homem de 60 anos foi preso e encaminhado para a delegacia local. Ele relatou que capturava as aves na mata, com um alçapão.

Havia pássaros de várias espécies no local, incluindo sabiás, trinca-ferros e canários da terra. As aves estavam em estado bravio, ou seja, foram capturadas recentemente. Os animais passarão por análise de biólogos para saber se tem ou não condições de serem devolvidas a seu habitat natural.

A descoberta foi feita por acaso. Os policiais foram a Colorado para atender uma denúncia de rinha de galo nos fundos de um bar, a qual não foi confirmada. Entretanto, um deles escutou o canto das aves vindo de uma residência em frente ao estabelecimento e descobriu ali os animais capturados.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]