i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Último dia

Gol da Polônia

  • 28/07/2013 21:05
 | Sergio Moraes/Reuters
| Foto: Sergio Moraes/Reuters

Peregrinos poloneses presentes na praia de Copacabana festejaram como um gol a escolha da cidade de Cracóvia, na Polônia, para receber a próxima Jornada Mundial da Juventude (foto). O anúncio foi feito pelo papa Francisco quase no finalzinho da missa de envio. Cracóvia é a terra natal do papa João Paulo II. A próxima JMJ está marcada para 2016.

"Guarda-sol"

Stefano Rellandini/Reuters

Depois de dias chuvosos e frios, o sol resolveu aparecer com força ontem no Rio de Janeiro, no último dia da JMJ. Bom para o evento, mas um sacrifício para os milhares de peregrinos que suportaram o calor nas areias de Copacabana. Mesmo usando um chapéu, a presidente Dilma Rousseff não recusou o guarda-chuva da colega argentina Cristina Kirchner (foto). Dilma sentou na primeira fila para assistir ao principal ato religioso da JMJ ao lado de Cristina e do presidente da Bolívia, Evo Morales, além de ministros de Estado, do governador do Rio, Sérgio Cabral, e do prefeito Eduardo Paes.

Lixo e mau cheiro

Pilar Olivares/Reuters

A sujeira e o mau cheiro tomaram conta da praia de Copacabana ontem de manhã, depois de uma madrugada em que milhares de peregrinos dormiram ao ar livre pelas ruas do bairro. Banheiros químicos transbordaram e o esgoto se espalhou pelas ruas. O mau cheiro era perceptível até na área destinada aos convidados, mais próxima ao palco onde o papa celebrou a missa de encerramento. Havia bastante lixo nas ruas. Os peregrinos até procuravam as lixeiras, mas elas já estavam completamente cheias (foto).

Descanso

Cansados após uma noite inteira de vigília, os jovens dormiram na areia mesmo (foto), de forma improvisada, ao longo da orla de Copacabana, para esperar pela missa de encerramento. Segundo a prefeitura do Rio, 3 milhões de pessoas assistiram aos eventos da vigília na noite de sábado. E a grande maioria ficou por ali mesmo, para não perder o lugar. A areia foi praticamente loteada, com grupos de estrangeiros erguendo barracas e fincando suas bandeiras.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.