i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Meio ambiente

Feira apresenta novas formas de reciclagem

  • PorAniela Almeida
  • 17/06/2010 21:06
Evento apresenta soluções para setores como indústria e agricultura | Antonio Costa / Gazeta do Povo
Evento apresenta soluções para setores como indústria e agricultura| Foto: Antonio Costa / Gazeta do Povo

Reaproveitamento do chorume de aterros, tecnologia para tratamento de efluentes, equipamentos para tratamento de resíduos rurais, placas de carros desenvolvidas com material reciclado e reciclagem de óleo de cozinha são apenas algumas iniciativas que estão sendo demonstradas pelos mais de 70 expositores da quinta edição da Feira Brasileira de Reciclagem, Preservação & Tecnologia Ambiental (ReciclAção), que começou ontem.

Planejada para servir como eve­­nto simultâneo ao MOP3/COP8 – eventos promovidos pe­­­la ONU em Curitiba –, a fei­­­ra, realizada pela primeira vez em 2006, acabou se tornando uma referência nacional para a bus­­­ca de alternativas cien­tífi­­cas e mercadológicas que ao mes­­­mo tempo atendam dem­­andas de consumo e não agri­­­dam o meio ambiente.

Este ano, a empresa de mo­­nitoramento ambiental Ag Solve, de São Paulo, traz um estan­­­de com soluções para a descon­­­­taminação de aterros sanitários com a utilização do chorume como gerador de energia. A Marquitec, que desenvolve sistemas para tratamento de resíduos e reciclagem industrial, apresenta trituradores e usinas de reciclagem para as mais diversas matérias primas, como madeira, pneus e cobre. O Grupo Pena, que tem dez usinas em operação e construção na França, além de uma filial estratégica em Curitiba, mostra a tecnologia para a produção de combustível com resíduos sólidos não perigosos e não orgânicos. No estande das curitibanas Tegeve e 3R Ambiental, o público pode conferir uma unidade de estação compacta para tratamento de esgoto sanitário em funcionamento, a Ecotrate. Os participantes também terão a oportunidade de conhecer e aprender sobre o tratamento de esgoto sanitário por meio do "sistema de lodos ativados", em que a remoção dos poluentes pode chegar a 98%. Além da feira, o evento, que vai até amanhã, conta ainda com mais quatro seminários técnicos e científicos.

Toda a emissão de carbono gerada pela realização da Re­­ciclAção será neutralizada com o plantio de mudas de espécies nativas da Mata Atlântica. A certificação de neutralização do carbono com o selo "Mudanças Cli­máticas" resulta de um levantamento de todas as emissões de gases de efeito estufa (GEE) da feira. Para a com­pensação, serão levadas em conta todas as atividades desenvolvidas durante o evento, desde a energia elétrica usada para seu planejamento até os gastos de combustível no deslocamento de fornecedores e clientes.

Serviço:

ReciclAção: Espaço Expo Unimed Curitiba, no bairro Campo Comprido. Hoje, das 14 às 21 horas; amanhã, das 13 às 19 horas. Entrada gratuita. Os preços dos seminários variam. Para mais informações, acesse o site www.montebelloeventos.com.br ou ligue para (41) 3203-1189.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.