i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
VIOLÊNCIA

Italiano é baleado em assalto

  • PorPatricia Pereira
  • 21/03/2013 21:08

Um homem de nacionalidade italiana foi baleado durante uma tentativa de assalto, no início da tarde de ontem, no Centro de Curitiba. Antonio Giovani Rossi, de 34 anos, mora no Brasil há dois anos e foi levado para o hospital em estado grave.

A vítima saía de um restaurante na Rua Emiliano Perneta, por volta das 14h30, acompanhado do irmão, quando foi abordado por um homem, que anunciou o assalto. Depois de atirar contra Rossi na cabeça, o criminoso entrou em um Golf preto, onde outro homem o aguardava.

Conforme boletim médico divulgado pelo Hospital Evangélico, o paciente está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e o estado é de "extrema gravidade". A polícia ainda não sabe o que motivou o tiro.

Reação

Outra ação na região central de Curitiba também mobilizou a polícia no fim da manhã. Um veículo da Casa Militar, responsável pela segurança do governo do Paraná, sofreu uma tentativa de assalto no bairro Rebouças. Um subtenente do Corpo de Bombeiros, que conduzia o carro, reagiu ao assalto e baleou o suspeito.

O veículo oficial estava parado em um semáforo. Segundo a assessoria do governo,um assaltante se aproximou e ordenou que o policial entregasse a carteira e saísse do carro. Neste momento, o suspeito teria ameaçado o subtenente, que atirou contra ele.

O homem passou por uma cirurgia no Hospital Evan­­gélico à tarde, mas o estado de saúde dele ainda é grave.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.