i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Noroeste

5 mil camisetas falsificadas são apreendidas em fábrica de Peabiru

Nurce descobriu a fábrica depois que outra apreensão foi feita na última sexta-feira

  • PorHélio Strassacapa
  • 20/07/2009 12:44
Investigação teve início depois de representação do advogado da Lacoste, que flagrou a venda de camisetas fasificadas durante Feira Ponta de Estoque | Divulgação/Nurce
Investigação teve início depois de representação do advogado da Lacoste, que flagrou a venda de camisetas fasificadas durante Feira Ponta de Estoque| Foto: Divulgação/Nurce

Uma fábrica de confecções que produzia camisetas falsificadas foi autuada pelo Núcleo de Repreensão a Crimes Econômicos (Nurce), em Peabiru, às 14h30 desta segunda-feira (20). Cerca de 5 mil camisetas que imitavam marcas famosas foram apreendidas e o proprietário levado à Delegacia da cidade para prestar esclarecimentos. Ele deverá responder, em liberdade, por crime contra registro de marcas.

A maior parte dos produtos apreendidos utilizava a marca Lacoste. Um advogado da empresa entrou com uma representação pedindo investigações sobre o caso.

Os agentes do Nurce souberam da existência da fábrica depois de uma apreensão feita na última sexta-feira (17) de 350 camisetas durante a realização da Feira Ponta de Estoque. "A partir daquela apreensão soubemos onde o produto estava sendo fabricado", disse o delegado do Nurce, Fernando Ernandes Martins.

Também foram apreendidas etiquetas, telas de silkscreen, lacres e embalagens. A fabrica não ficará fechada. Tudo será trazido para Maringá.. A pena para o crime prevê detenção de três meses a um ano ou multa.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.