i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Curitiba

Morre, aos 90 anos, o monsenhor Vicente Vítola, sacerdote mais velho do PR

Religioso estava internado no Hospital da Cruz Vermelha por causa de um câncer e morreu às 4 horas do domingo. Corpo foi enterrado por volta das 11 horas desta segunda-feira

  • PorCélio Yano, com informações de Jennifer Koppe
  • 24/08/2009 08:39

Foi enterrado, pouco depois das 11 horas desta segunda-feira (24), no cemitério Parque Iguaçu, em Curitiba, o corpo do monsenhor Vicente Vítola, vigário da Igreja Nossa Senhora das Dores – a Igreja dos Passarinhos. Vítola, que tinha 90 anos, morreu na madrugada de domingo (23) em decorrência de complicações de um câncer que tinha desenvolvido nas cordas vocais. O religioso estava internado no Hospital da Cruz Vermelha e entrou em óbito por volta das 4 horas.

Vítola era o sacerdote mais idoso do Paraná e o terceiro mais velho do Brasil. Foi ordenado padre em 1942 e passou por diversas igrejas, entre elas a Catedral Metropolitana de Curitiba e a Igreja Nossa Senhora da Glória. Ao longo da vida religiosa, foi ainda administrador da Mitra da Arquidiocese de Curitiba e reitor da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR).

Há 11 anos atuava como vigário da Igreja dos Passarinhos, no Bigorrilho, onde celebrava a missa matutina, diariamente, às 7h30. Diagnosticado com câncer há cerca de dois anos, o sacerdote deixou de pregar orações somente há dois meses.

O corpo de Vitola foi velado na Igreja dos Passarinhos, onde o arcebispo emérito de Curitiba, Dom Pedro Fedalto, realizou uma missa na tarde de domingo. De lá o corpo seguiu, nesta manhã, para o cemitério Parque Iguaçu.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.