i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Estoque

Polícia Federal fecha o maior depósito clandestino de carvão do estado do Rio

Carvão era embalado em sacos com inscrições falsas do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e comercializado em todo o estado

  • PorAgência Brasil
  • 10/09/2010 16:02

O maior depósito clandestino de carvão vegetal já encontrado no estado do Rio de Janeiro, com cerca de 50 toneladas estocadas, foi fechado nesta sexta-feira (10) no Jardim Catarina, município de São Gonçalo, região metropolitana do Rio. O depósito foi fechado por agentes da Polícia Florestal com apoio da Coordenadoria Integrada de Combate aos Crimes Ambientais (Cicca) e da Secretaria Estadual do Ambiente do Rio.Na operação, também foi apreendida uma carreta com 18 toneladas de carvão.

Segundo o coordenador da Cicca, coronel José Maurício Padrone, os dois homens presos durante a ação foram encaminhados para a delegacia da Polícia Federal em Niterói. "O total apreendido foi de quase 70 mil quilos de carvão. Essa é a maior apreensão de carvão vegetal feita no estado. O motorista da carreta disse que a carga veio da Bahia".

O carvão era embalado em sacos com inscrições falsas do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e comercializado em todo o estado. No período de 45 dias, a Secretaria Estadual do Ambiente já estourou dois grandes depósitos clandestinos de carvão vegetal e fechou uma carvoaria ilegal na Serra do Sambe, no município de Rio Bonito, na baixada litorânea do Rio.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.