Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Uniforme de Bangu 8, usado por Sérgio Cabral, Adriana Ancelmo e Eike Batista, é hit no comércio popular do Rio de Janeiro | Maíra Coelho/Agência O Dia/Maíra Coelho
Uniforme de Bangu 8, usado por Sérgio Cabral, Adriana Ancelmo e Eike Batista, é hit no comércio popular do Rio de Janeiro| Foto: Maíra Coelho/Agência O Dia/Maíra Coelho

Desde que foi deflagrada em março de 2014, a Operação Lava Jato entra em seu terceiro carnaval. Desde 2015, a criatividade do brasileiro somada com a grande repercussão da operação que prendeu uma grande soma de empresários, políticos e integrantes da alta cúpula da Petrobras, faz a festa dos foliões.

Em 2017, elas devem voltar às ruas de todo o país - camisetas que imitam o uniforme do presídio Bangu 8, onde estão presos o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, a ex-primeira dama Adriana Ancelmo e o empresário Eike Batista, devem fazer sucesso neste carnaval. Além disso, há fantasias do Super Moro e um bloco se prepara para levar o “Hispter da Federal” para a folia. Lembre as principais fantasias e veja as principais apostas inspiradas na Operação Lava Jato:

Nestor Cerveró, a máscara proibida

Reprodução

Já em 2015, máscaras estampando o rosto do ex-diretor internacional da Petrobras, Nestor Cerveró, deixaram de ser produzidas por uma fábrica em São Gonçalo (RJ) depois que um advogado do diretor, que ainda estava preso, ligou para informar que processaria a fábrica caso máscaras fossem vistas no carnaval. A internet não perdoou e modelos de máscara do ex-diretor foram disponibilizados na rede.

Japonês da Federal

Reprodução

O rosto do da agente da Polícia Federal Newton Ishii apareceu ao lado dos principais presos da Operação Lava Jato e logo virou uma celebridade na internet. No final de 2015, o “Japonês da Federal” virou até inspiração para marchinha e, em 2016, Ishii virou boneco em Olinda (PE) e a a máscara do agente foi uma das mais vendidas do carnaval. Ainda em 2016, o agente foi condenado, chegou a ser preso e cumpriu pena por corrupção e descaminho.

Super Moro

Marcelo Andrade/Gazeta do Povo

O juiz federal Sergio Moro, responsável pelos processos da Operação Lava Jato em primeira instância, já é figura carimbada nos carnavais desde que a operação começou. Máscaras e camisetas que estampam o rosto do magistrado fazem sucesso em manifestações e também durante o carnaval. A novidade este ano é a fantasia inspirada no juiz, que, no lugar do símbolo tradicional do Super Homem, traz estampado SM - Super Moro. A fantasia já está sendo vendida em lojas de comércio popular do Rio de Janeiro.

Hipster da Federal

Wilson Dias/Agência Brasil

O agente da Polícia Federal Lucas Valença ficou famoso ao escoltar o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e chegou a receber um processo disciplinar da PF por conceder entrevistas sem autorização da corporação. Sensação na internet pelo look hipster – com coque samurai e barba por fazer – o agente vai participar do bloco Passaporte da Folia, criado pelo Sindicato dos Policiais Federais de Pernambuco.

Bangu 8

Maíra Coelho/Agência O Dia/Maíra Coelho

O uniforme utilizado em Bangu 8 nunca foi tão desejado. A roupa verde, com o nome do ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB-RJ), de sua esposa Adriana Ancelmo e do empresário Eike Batista – todos presos em Operações desmembradas da Lava Jato pela Justiça Federal do Rio – virou fantasia de carnaval. No centro do Rio de Janeiro, as camisetas são vendidas por R$ 10.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]