i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Eleições 2010

Lei da Ficha Limpa deve impugnar de 10% a 15% das candidaturas, diz TSE

"A Justiça Eleitoral dará uma resposta rápida a essas impugnações”, afirmou o presidente do TSE, Ricardo Lewandowski

  • PorAgência Brasil
  • 14/07/2010 16:09

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Ricardo Lewandowski, disse no início da noite desta quarta-feira (14) que a implementação da Lei da Ficha Limpa deve provocar a impugnação de até 15% das candidaturas este ano.

"A ficha limpa pegou sem dúvida nenhuma. Estou fazendo um cálculo que essas impugnações devem corresponder entre 10% a 15% dos registros de candidaturas. Isso é algo esperado, está dento do normal e a Justiça Eleitoral dará uma resposta rápida a essas impugnações", afirmou. O presidente do tribunal disse também que a lei prevê algumas hipóteses de inelegibilidades e que, até o momento, todas as impugnações estão baseadas na Lei da Ficha Limpa.

"Vamos examinar todas essas impugnações o que pode, de certa maneira, tranquilizar a todos que acompanham essas impugnações é que no momento que o TSE e o STF [Supremo Tribunal Federal] chegaram a um consenso em relação a certas teses, os processos serão julgados rapidamente", disse o ministro em relação ao prazo para a Justiça Eleitoral julgar todos os casos de inelegibilidade.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.