Fernando Pimentel (PT) foi eleito governador de Minas Gerais desbancando do poder o grupo político do PSDB, que há quase 12 anos governa o estado. É a primeira vez que o PT chega ao governo mineiro. Até então, a principal vitrine petista em Minas tinha sido a prefeitura de Belo Horizonte, com o próprio Pimentel (2004-2008). Pimentel obteve 53% dos votos, contra 42% do seu principal concorrente, Pimenta da Veiga (PSDB).

Ex-ministro do Desen­­volvimento, Indústria e Comércio do governo Dilma Rousseff, Pimentel deixou a pasta em fevereiro deste ano para promover o que chamou durante a campanha de "derrota histórica" do grupo de Aécio Neves, ex-governador de Minas Gerais e candidato à Presidência da República pelo PSDB.

Ao votar na manhã de ontem em Belo Horizonte, ele, porém, contemporizou a sua declaração ao inverter a posição: "Eu não acho que as derrotas sejam históricas, históricas são as vitórias".

Em 2008, Pimentel e Aécio firmaram uma aliança eleitoral para eleger Marcio Lacerda (PSB) prefeito de Belo Horizonte. Ele foi muito criticado no PT por essa posição. Agora, Pimentel enfrentou o grupo de Aécio e o derrotou.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]