i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
eleições 2016

“Não posso ter o mau humor dele”, diz Requião Filho sobre o pai

  • PorKelli Kadanus
  • 30/08/2016 14:43
Requião Filho é candidato a prefeito de Curitiba. | Antônio More/Gazeta do Povo
Requião Filho é candidato a prefeito de Curitiba.| Foto: Antônio More/Gazeta do Povo

“Marlboro e Marlboro Light. O mesmo sabor, baixos teores”. Foi assim que o deputado estadual e candidato a prefeito de Curitiba Requião Filho (PMDB) diferenciou sua personalidade da do pai, o senador Roberto Requião (PMDB), nesta segunda-feira (29). O candidato participou de uma sabatina na UFPR e respondeu a perguntas formuladas pelos alunos do curso de Direito da universidade.

Veja todas as notícias sobre Requião Filho

Uma das perguntas foi quais eram as semelhanças e diferenças do deputado com o pai. “Somos duas gerações diferentes. Às vezes a gente tem o mesmo objetivo, mas tem duas maneiras diferentes de chegar lá. Meu pai para falar comigo, me liga. Eu para falar com meu pai mando mensagem”, disse Requião Filho.

“Eu não posso ter o mau humor dele, porque eu não tenho o mesmo número de votos, nem o mesmo peso político”, disse o candidato.

Roberto Requião é conhecido pelo seu temperamento difícil e não foram poucas as polêmicas envolvendo o senador durante sua trajetória política. Uma delas foi quando, em 2011, Requião arrancou o gravador da mão de um repórter que fez uma pergunta sobre a aposentadoria recebida por ele como ex-governador do Paraná. O aparelho foi devolvido horas depois, mas as gravações haviam sido apagadas.

Pelo Twitter, o senador não poupa críticas ao governador do Paraná Beto Richa (PMDB), a quem frequentemente se refere como “piá de prédio”, e a outros adversários políticos. “Eu tenho que ser mais bem humorado, mais calmo”, disse Requião Filho.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.