Com 29 assinaturas, o deputado Evandro Araújo (PSC) apresentou na Assembleia Legislativa do Paraná, nesta terça-feira (9), uma proposta de emenda à Constituição Estadual (PEC) que passa a exigir a realização de um referendo se o Executivo decidir abrir mão do controle majoritário da Sanepar, Copel, Ferroeste e Celepar. Nessas situações, caso os deputados aprovem a venda, a população paranaense é quem daria a palavra final pela concretização ou não do negócio. Para ser aprovada, a PEC precisa do voto de 33 dos 54 parlamentares, em duas votações.

Fontes ligadas ao Palácio Iguaçu afirmam que o Executivo estuda vender a Ferroeste em 2016 e, com isso, arrecadar mais de R$ 1 bilhão. O governo do estado, que é dono de 99,7% da companhia ferroviária, nega a informação.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]