Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Deputado João Arruda (PMDB) é o único deputado paranaense que não declarou voto. | Gustavo Lima/Câmara dos Deputados
Deputado João Arruda (PMDB) é o único deputado paranaense que não declarou voto.| Foto: Gustavo Lima/Câmara dos Deputados

A bancada do Paraná na Câmara dos Deputados chega às vésperas da votação do impeachment sem indecisos.

Dos 30 parlamentares do estado, 23 declararam voto a favor do processo contra a presidente Dilma Rousseff, 6 a favor e um – João Arruda (PMDB) – disse que já tomou uma decisão, mas que só vai anunciá-la na hora do voto.

PLACAR: Veja como cada deputado deve votar no impeachment

Nos bastidores, Arruda é dado como nome certo pró-impeachment. Se isso se concretizar, 80% da bancada estadual votará pela saída da presidente. Na média nacional, são necessários 67% dos votos (dois terços do total) para aprovar o impeachment.

“Posso dizer que já defini meu lado, só não quero anunciar agora, mesmo com toda pressão que venho sofrendo”, diz Arruda.

Até a tarde desta sexta-feira (15), havia ainda a possibilidade de outro deputado mudar de lado. Nelson Meurer afirmou que poderia deixar de votar contra o impeachment, caso o partido dele, o PP, ainda decidisse encaminhar o voto em bloco a favor até o domingo (17/4).

Rossoni desiste de voltar à Câmara para que deputado preso não atrapalhe impeachment

Leia a matéria completa

Com isso, o número de votos pelo impeachment chegaria a 25.

Ao longo desta semana, quatro paranaenses desceram do muro. Sérgio Souza e Hermes Parcianello, do PMDB, declaram voto a favor do impeachment. Aliel Machado (Rede) e Assis do Couto (PDT), contra.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]