i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Alexandre Borges

Foto de perfil de Alexandre Borges
Ver perfil

O novo normal é ser normal

  • Alexandre BorgesPor Alexandre Borges
  • 04/12/2020 13:53
Prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kali, durante o programa Roda Viva, da TV Cultura.
Prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kali, durante o programa Roda Viva, da TV Cultura.| Foto: Gelse Montesso/TV Cultura

A campanha de Joe Biden usou como mote a “volta à normalidade”, tema copiado da campanha de Warren G. Harding feita cem anos antes e que fazia referência ao fim da Primeira Guerra e o retorno dos soldados americanos da Europa. É colocar uma bossa nova para tocar depois de cansar do heavy metal.

A entrevista da última segunda (30) no Roda Viva com o prefeito reeleito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, pegou muita gente de surpresa, eu incluso. Por absoluta negligência, nunca tinha ouvido Kalil falar como político, minha memória só chegava ao seu tempo como dirigente do arquirrival Atlético (MG), o que me coloca em posição totalmente insuspeita como simpatizante dele.

As eleições de novembro trouxeram para o centro do palco, além do prefeito de Belo Horizonte, políticos como Bruno Covas (São Paulo), Eduardo Paes (Rio de Janeiro), Sebastião Melo (Porto Alegre), Bruno Lins (Salvador), José Sarto (Fortaleza). Não exatamente um time de radicais ideológicos e carismáticos, com discurso messiânico de representar uma luta mitológica do bem contra o mal.

Os eleitores de 2020 não se vestem como templários ou agem como incels, não fazem danças com caixões na avenida Paulista, não derrubam cruzes na praia ou batem continência para reproduções cafonas da Estátua da Liberdade. São apenas cidadãos que querem trabalhar, colocar os filhos na escola, ter um atendimento de saúde ou opções de transporte com um mínimo de segurança e qualidade, além de opções de lazer em espaços públicos limpos, acessíveis, ordeiros e seguros. Em resumo, gente normal com demandas normais de políticos que agem como pessoas normais.

A tal onda nacional-populista foi uma resposta legítima às cobranças de cidadãos cada vez mais distantes de seus representantes e suas elites, como abordei em “Protegidos e Desprotegidos” e “O ódio da máquina”, que já podia ser antevista na ascensão em 2009 do comediante Beppe Grillo na Itália e seu movimento 5 estrelas. As sementes de tudo que “espantou” o mundo em 2016 já estavam sendo plantadas ali.

Grillo, criador do “Vaffanculo Day” (perdoe não traduzir neste espaço familiar) em 2007, foi naturalmente tratado como uma piada de mau gosto pelos políticos tradicionais e “palhaço” pela The Economist, mas a graça acabou quando fez inacreditáveis 25,5% dos votos (108 cadeiras) na câmara e 23,7% (54 cadeiras) no senado nas eleições de 2013. A Itália é um país parlamentarista e Grillo passou a ser um dos mais importantes atores políticos do país com um movimento de eleitores indignados e sem uma coloração óbvia nas velhas e obsoletas caixas de direita e esquerda.

As recentes derrotas de Donald Trump e dos governistas, neointegralistas e carismáticos podem indicar um certo cansaço do eleitor em relação a políticos que passam parte de seus mandatos no palanque e o que fazem é pouco mais do que apenas serem “contra tudo isso que está aí”. A indignação do eleitor gerou recados duros e justos aos políticos nos últimos anos, mas é possível que a nova década, iniciada sob a nuvem da pandemia do Covid-19, pode ter mudado a direção dos ventos. Ainda é cedo para ter certeza, mas há elementos para se admitir que o mundo pode estar querendo voltar ao normal.

Uma pandemia não se vence com gritos, mas com soluções viáveis, mais técnicas do que políticas, mais baseadas em ciência do que em narrativas, com mais médicos e menos falastrões, mais argumentos e menos perdigotos, líderes com mais empatia que dedos apontados e terceirizações de culpas. As milhares de mortes e a recessão mundial causadas pela doença podem ter deixado a população menos disposta a aventuras e com mais aversão ao risco.

Ainda sei muito pouco sobre Alexandre Kalil, mas o que vi na entrevista foi um discurso pragmático, nada ideológico, com respostas baseadas num aparente bom senso forjado na vida e não em discursos fabricados em universidades radicalizadas ou em assembleias. Sei que foi eleito prefeito em 2016 por um partido nanico, o PHS, e reeleito este ano no primeiro turno com admiráveis 63,36% dos votos válidos na terceira maior cidade do país. Nada mau para um novato.

Kalil não parece o tipo de político que contrata e dá poder para adolescentes tardios que passam o dia em redes sociais assassinando reputação de adversários, uma linha de corte moral importante atualmente. Suas respostas à pandemia, fator decisivo nas eleições deste ano, foram percebidas como pragmáticas e responsáveis. A resposta da população foi dada nas urnas e pode indicar um caminho para 2022.

Ainda é cedo para qualquer previsão, mas é preciso considerar a possibilidade de um certo cansaço com a incompetência travestida de autenticidade, a inexperiência como sinônimo de novidade ou a falta de empatia como virilidade. O eleitor é muito mais sábio do que se costuma admitir.

O coronavírus pode ter vitimado também a mistificação verborrágica, o que certamente seguirá, se confirmado em 2022, uma devida depuração de certa imprensa que abriu suas portas para todo tipo de arrivista que mimetizava o polemismo barato de alguns líderes que agem como parasitas de organismos desgastados e frágeis. O novo normal pode ser a volta do senso comum, o valor mais caro aos verdadeiros conservadores que têm todos os motivos para estarem esperançosos.

19 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 19 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • A

    Arys

    ± 18 horas

    Enquanto isso mandava seus gorilas espancarem comerciantes na Av. Bandeirantes - tudo isso foi filmado. É um devedor histórico do IPTU para a Prefeitura de BH. Procurem no google "kalil deve iptu" e verão declaração do próprio em junho deste ano, dizendo que devia mais de 400 mil, pagou 90, mas que vai pagar o resto... Quanto ao roda viva, morreu no dia em que Augusto Nunes saiu. Não me espanta que sob o atual comando da melancia, que nutre ódio figadal pelo PR, apareça um bufão destes como "candidato" à PR. A administração dele não tem nada de síndico - foi e continua péssima - perguntem aos moradores de Venda Nova, por exemplo. Assim que terminou a eleição, voltou a mostrar as garras.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • A

      Arys

      ± 18 horas

      Ou o Sr não mora em BH, ou foi enfeitiçado pelo "carisma" - respeito o seu fetiche. kalil se considera um kalifa, e tem como seu grão vizir um "comitê da pandemia". É um indivíduo tôsco, mal educado, bruto e ditador. Durante a pandemia NUNCA fechou a periferia de BH - lá ele não queria "salvar vidas" porque seu eleitorado mora lá. Além do auxílio emergencial federal, distribuiu cestas básicas, na prática comprou votos. Enquanto isso, virou sua ira contra a região Centro Sul, onde não tem praticamente eleitores, e quebrou aproximadamente 11 mil empresas, pelas estimativas. Mandou cavar mais de mil covas, e alguém já publicou evidências que a empresa contratada era uma loja de lingerie. (cont)

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • J

        Ju Costa

        08/12/2020 10:36:15

        Esse sr quebrou vários comércios na cidade, desempregou outros milhares, um falastrão. Fechou a cidade t meses e qual o resultado? Se tivesse resolvido não tinha fechado novamente como fez agora, esperou a reeleição para mostrar seu autoritarismo e despreparo. Ameaça fazer o que bem entende em prol da tal ciência. Quem votou nessa criatura são os funcionários públicos, professores e classe alta que está como os seus ganhos garantidos e no bolso. Vai levar Bhte a falência e depois vender o que sobrou aos chineses

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • E

          Eduardo Sol

          07/12/2020 0:25:05

          Pelo visto, o colunista continua desinformado. Desde quando Kalil é "normal"? Um autoritário

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • P

            Plinio Gustavo Prado Garcia

            06/12/2020 15:13:22

            Alexandre, bem colocada sua opinião. Para mim, é pura bobagem falar, como se fala na mídia, em "novo normal". Para mim, "novo normal" significa apenas que nada está normal. Para mim, o normal só pode ser entendido como sendo o retorno à vida normal que tínhamos antes de surgir a Covid-19. Voltemos, pois, logo à normalidade, saindo da atual anormalidade.

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            • F

              Fábio EP

              05/12/2020 20:44:35

              Lixo de texto.

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              • M

                Moacir Schmidt

                05/12/2020 17:12:00

                Eu gostaria muito de ter entendido esta parte: "certa imprensa que abriu suas portas para todo tipo de arrivista que mimetizava o polemismo barato de alguns líderes que agem como parasitas de organismos desgastados e frágeis"

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                • S

                  Sadi Feital de Oliveira

                  05/12/2020 17:07:21

                  Realmente, até pouco tempo atrás, o Atlético Mineiro tinha a maior dívida entre os clubes. Bastou o Khalil sair do clube, que as dívidas foram diminuindo.

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  • L

                    Luiz

                    05/12/2020 12:38:32

                    Cara, tu é muito delinquente intelectual. Teu texto é lixo. AB? Vc igualzinho a um certo articulista deste jornal - MVR, conhece? - desonestos, tendenciosos, nem disfarçam seus vieses, não? Vai catar coquinhos, mau caratismo é uma m...

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                    • R

                      Renatoguz

                      05/12/2020 10:27:18

                      Quem vai dizer se esse Tipo está com razão vai ser o tempo. Vamos ver como ficará a situação econômica de Bh.

                      Denunciar abuso

                      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                      Qual é o problema nesse comentário?

                      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                      Confira os Termos de Uso

                      • C

                        Cirilo Jardim

                        05/12/2020 10:03:57

                        Quem mora em BH e não depende das cestas básicas distribuídas sabe que Alexandre Kalil é um mini ditador. Mais do mesmo, infelizmente... Bem articulado e bom falante, mas não é bom gestor. Agradou na entrevista? Ótimo, passa uma temporada sob gestão dele...

                        Denunciar abuso

                        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                        Qual é o problema nesse comentário?

                        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                        Confira os Termos de Uso

                        • M

                          Mauricio Conde

                          05/12/2020 3:48:41

                          Tem o Zema também, fazendo um bom governo. Em comum com Kalil o fato de serem empresários e não políticos profissionais. Estes sim são verdadeiros outsiders "purosangue". Os eleitores do atual PR q me perdoem, mas este nunca foi um outsider. Parabéns ao povo mineiro pela renovação. Que o restante do país siga o bom exemplo.

                          Denunciar abuso

                          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                          Qual é o problema nesse comentário?

                          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                          Confira os Termos de Uso

                          • I

                            Ildevan de Oliveira Medeiros

                            05/12/2020 0:53:33

                            Onde falta bom senso não há matemática que resolva. Concordo plenamente, se conseguirmos eleger pessoas que restaurem o bom senso daremos um salto! Quanto aos outsiders, há muito lobo travestido de ovelha, ou seja, requerem os mesmo cuidados que de maneira geral, observa-se que ainda não conseguimos tê-lo o suficiente em relação às velhas raposas. Valorizemos os avanços e continuemos a trabalhar em prol de mudanças efetivas!

                            Denunciar abuso

                            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                            Qual é o problema nesse comentário?

                            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                            Confira os Termos de Uso

                            • C

                              Correa

                              04/12/2020 22:11:21

                              Será que, finalmente, teremos alguém "normal" disputando em 22. Kalil é, de longe, a melhor escolha. Que venha!

                              Denunciar abuso

                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                              Qual é o problema nesse comentário?

                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                              Confira os Termos de Uso

                              1 Respostas
                              • L

                                Luiz

                                05/12/2020 12:38:08

                                kkkkkkkk....esse deve estar mamando...

                                Denunciar abuso

                                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                Qual é o problema nesse comentário?

                                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                Confira os Termos de Uso

                            • F

                              FAGNER DUSTIN SILVA GAMONAL BARRA

                              04/12/2020 20:14:03

                              Bolsonaro 2022

                              Denunciar abuso

                              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                              Qual é o problema nesse comentário?

                              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                              Confira os Termos de Uso

                              • S

                                Sérgio Guerra

                                04/12/2020 19:10:36

                                O verdadeiro sinônimo de político no Brasil é corrupto. Ser normal é não roubar e cuidar do Play ground para que nossas crianças não se machuquem... simples assim.

                                Denunciar abuso

                                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                Qual é o problema nesse comentário?

                                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                Confira os Termos de Uso

                                • R

                                  Ricardo Amaral

                                  04/12/2020 18:31:28

                                  A grande vantagem do Kalil é simples de entender: ele é o síndico do condomínio. Um chato de galocha, que pega no pé da criançada, engrossa com barulho após às 22 h, tenta pôr ordem no uso da churrasqueira e a quem você pode pegar no telefone pra ligar e reclamar que ele atende, claro que nem sempre com bom humor (aliás, quase nunca). Mas está lá todo dia vendo as plantas, trata a todos com correção e pensa três vezes antes de autorizar grandes obras porque se fizer o povo reclama da taxa É essa mensagem que as pessoas mandaram nesta eleição: mais síndicos, menos piromaníacos.

                                  Denunciar abuso

                                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                  Qual é o problema nesse comentário?

                                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                  Confira os Termos de Uso

                                  1 Respostas
                                  • F

                                    Fernanda Isabel Bitazi

                                    05/12/2020 17:25:57

                                    Adorei sua comparação do Kalil com o síndico!!! :))

                                    Denunciar abuso

                                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                                    Qual é o problema nesse comentário?

                                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                                    Confira os Termos de Uso

                                Fim dos comentários.