Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Lula
Dinheiro do contribuinte vai pagar a turnê do ex-presidente Lula na Europa.| Foto: Joédson Alves/EFE

O ex-presidente Lula foi para a Europa. Vai passar por França, Bélgica, Espanha e Alemanha. Quem o acompanha é o ex-ministro de Relações Exteriores Celso Amorim, aquele que abriu a embaixada brasileira para Manuel Zelaya, ex-presidente de Honduras, transformando a embaixada num diretório político.

E também o senador Humberto Costa (PT-PE), que foi ministro da Saúde e integrou até recentemente aquele grupo dos 7 que comandava a CPI da Covid. Mas não vão só eles, não. O Diário Oficial mostra que, por conta dos nossos impostos, estão indo também três seguranças e quatro assessores. Pela lei, ele tem direito.

Se perguntar por que ele está viajando para lá, também não sei. Por que campanha presidencial se faz aqui, com os eleitores brasileiros. Certamente o ex-chanceler Celso Amorim, embora tenha sido chefe da política externa brasileira, vai para falar mal do Brasil. É bom que a gente saiba, porque nós somos os donos do país, os mandantes, os contribuintes, os que nomeiam essas pessoas pelo voto.

Provas da corrupção

O senador Eduardo Girão, do Ceará, disse que tem conversado com o presidente da CPI da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, o deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade), sobre as denúncias de corrupção no Consórcio Nordeste. O deputado diz que já viu todas as provas da propina.

Por exemplo, para comprar aqueles 300 respiradores da loja que tinha nome de maconha e que nunca foram entregues. Por R$ 48 milhões. Mais da metade desses R$ 48 milhões, disse o senador, foi propina.

Juros mais baixos

E falando em propina, o presidente da Caixa Econômica, Pedro Guimarães, conta que foram desviados R$ 48 bilhões do fundo de garantia, que era para ir para o trabalhador, mas foi para grandes empresas. Mas agora não há mais corrupção na Caixa. Por exemplo, um superintendente que ganhava R$ 30 mil por mês devolveu cerca de R$ 40 milhões. É um milagre!

Além disso, o presidente da Caixa informa que há R$ 250 bilhões disponíveis para financiamento ao trabalhador, a juros baixos, que vão baixar mais ainda. Agora que a Selic está aumentando, ele vai baixar o juro, que será subsidiado pelo lucro da Caixa. Já que é um banco social e não precisaria ter lucro. Então vai baixar os juros da casa própria, por exemplo.

Boa notícia do agro

O agronegócio, que não parou com a pandemia, trabalha 24 horas por dia, vai ter mais um recorde: quase 8% a mais a última safra de grãos, em relação à safra vindoura. A última foi de 151 milhões de toneladas, agora serão 270,7 milhões de toneladas. Milho, soja, algodão, sorgo, feijão e mais. Menos arroz e trigo, por causa do clima, que foi muito desfavorável.

Mas que bom que está chovendo agora, no Centro e no Centro-Sul, para repor a água dos reservatórios. E que se barateie de novo o custo da eletricidade.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]