Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Auxílio Brasil
Maioria dos deputados da oposição, como Orlando Silva (PCdoB-SP), votou contra a PEC, mas votos dissidentes de partidos como PDT e PSDB ajudaram a aprovar o projeto.| Foto: Richard Silva/PCdoB

A Câmara Federal, ao aprovar a PEC dos precatórios, tornou mais próximo o aumento do Auxílio Brasil para R$ 400. A votação terminou em 312 votos a 144 — parece mentira que ainda teve 144 deputados que não queriam que aumentasse o valor do Auxílio Brasil.

Precatórios são dívidas com decisões judiciais favoráveis que o governo tem que pagar. Mas o projeto aprovado pelos deputados autoriza a não pagar tudo no ano que vem. Paga-se uma boa parte em 2022 e depois o restante nos anos subsequentes, o que libera mais recursos para o governo pagar um auxílio maior a quem precisa, principalmente aqueles que sofreram em decorrência da paralisação que tanto se propagou por causa da pandemia.

A votação causou problemas em alguns partidos, principalmente no PDT, porque mais da metade dos deputados do partido votaram a favor do governo, a favor de aumentar o Auxílio Brasil. Ciro Gomes disse que desse jeito não vai ser o candidato do PDT a presidente. A direção nacional então entrou no Supremo contra a votação como resposta.

O PT e o Psol foram contra também, mas no PSDB só ala pró-Doria foi contra, o outro foi a favor. Assim como metade do Podemos, que agora está com Sergio Moro de candidato, e o próprio Partido Socialista Brasileiro. Os partidos de oposição deram 52 votos ao governo. Na verdade, estavam dando voto para aumentar o Auxílio Brasil.

Covid na Europa

A Europa está registrando um novo aumento de mortes por Covid mesmo com a vacinação. A Rússia, principalmente. E o Reino Unido está com o mesmo número de mortes que a Índia, só que esta tem 20 vezes mais população. O Reino Unido tem 70 milhões e a Índia, 1,4 bilhão de pessoas.

É bom que a gente veja isso, porque nós estamos bem. Estamos nos recuperando na economia e numa situação bem baixa de ocorrência do vírus, que veio de longe para nos afetar. É porque estamos cada vez mais imunizados, essa é a verdade.

Leilão do 5G

A Anatel conclui nesta sexta-feira (5) o leilão do 5G. Para vocês terem uma ideia do avanço tecnológico: hoje para baixar um disco blue ray de 25 gigas leva-se uns 35 minutos. Com o 5G vai demorar 21 segundos. É altíssima velocidade com estabilidade.

E os que estão ganhando o leilão tem compromisso de chegar a 625 municípios que ainda não tem internet rápida, de atingir o interior do país para beneficiar o agronegócio, de colocar fibra ótica no leito dos rios da Amazônia, de garantir conexão ao longo de 31 mil quilômetros de estradas federais. É muito compromisso.

A gente já viu envolvida as conhecidas Claro, Vivo, Tim, e agora a United Telecom, que vai instalar mais uma operadora de abrangência nacional; a Brisanet do Nordeste, a Algar e alguns nomes novos, como um consórcio de 5G para o Sul, a Cloud2U, que vão atingir regionais também. Alguns atingem alguns estados e alguns atingem regiões.

Mas o fato é que o Brasil depois disso vai ficar diferente, com internet 50 vezes mais rápida, e mais do que isso, estável.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]