Francischini. Foto: Antonio More/Gazeta do Povo.
Francischini. Foto: Antonio More/Gazeta do Povo.| Foto:

O deputado federal Fernando Francischini anunciou duas mudanças de curso recentemente. A primeira: ao invés de tentar o terceiro mandato consecutivo em Brasília, será candidato a deputado estadual. Seu filho, Felipe, vai ser o candidato a federal. Segunda: sai do Solidariedade para o Patriota.

Os planos do deputado, porém, vão mais longe. A ideia de sair do Solidariedade tem a ver com uma ambição maior. No Patriota, Francischini pretende coordenar a campanha de Jair Bolsonaro à Presidência. Se por acaso der em algo, ele pode ser premiado com um cargo graúdo.

Leia mais: Apresentador Galo será candidato a deputado estadual

Mas nem por isso Francischini abre mão de continuar à frente do Solidariedade. A ideia, na verdade, é compor um “complexo” partidário sob sua regência. O filho ou a esposa comandariam o Solidariedade. E mais uma legenda pode entrar no pacote: um belo tempo de tevê, considerando a soma, para negociar no estado.

Como candidato a deputado estadual, o plano é fazer uma votação histórica, que além de tudo cacife o delegado a fazer o que ele sempre quis: ser candidato a prefeito de Curitiba em 2020.

Siga o blog no Twitter.

Curta a página do Caixa Zero no Facebook.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]