i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Blog Copa do Mundo 2018

Ver perfil

A Bélgica vai acabar com ‘marasmo’ de Alisson na Copa

  • PorAdriano Ribeiro
  • 02/07/2018 21:30
AFP PHOTO / SAEED KHAN
AFP PHOTO / SAEED KHAN| Foto:

DIRETO DE SAMARA, Rússia – O grande momento de Alisson na Copa do Mundo 2018 até agora foi quando estourou um grande balão vermelho no jogo de estreia da seleção diante da Suíça. A cena rapidamente rendeu vários gifs e memes nas redes sociais. Mas debaixo das traves, quase não ouvimos o nome do goleiro do Brasil nesse Mundial. Mérito do sistema defensivo montado por Tite, o melhor da competição ao lado do Uruguai, com apenas um gol sofrido em quatro jogos.

Alisson é o segundo goleiro com menos defesas realizadas no torneio: apenas três (nenhuma complicada). Os adversários brasileiros até conseguem rondar a área em alguns momentos, mas não ameaçam para valer o camisa 1. O duelo contra o México, pelas oitavas de final, simbolizou isso. Chicharito e companhia tentaram 13 finalizações, mas só uma chegou nas mãos de Alisson.

Confira a tabela, calendário, serviço de TV e últimas notícias da Copa do Mundo 2018
Copa do Mundo 2018: tabela completa

Porém, a Bélgica, próximo oponente do Brasil, vai acabar com o ‘marasmo’ de Alisson. É o que indicam as estatísticas da Copa fornecidas pela Fifa.

A seleção belga tem o melhor ataque do Mundial, com 12 gols, e é a terceira que mais criou oportunidades de gol (71), abaixo de Brasil (73) e Alemanha (71).

Brasil e Bélgica são os dois times com mais finalizações na disputa (77) e também com mais chutes que efetivamente foram a gol (30 brasileiros contra 29 belgas).

É bom fazer um contraponto: os números belgas são turbinados por dois confrontos na primeira fase contra times fracos (Panamá e Tunísia), mas não podemos minimizar quem estará do outro lado no duelo da próxima sexta-feira (6), às 15h.

O Brasil ainda não se deparou realmente com jogadores ofensivos de peso, de primeira linha no futebol mundial. Chegou a hora. A Bélgica tem os excelentes De Bruyne, Hazard e Lukaku, além do ótimo Mertens. Para piorar, a equipe de Tite não terá o suspenso Casemiro, jogador fundamental na proteção dos zagueiros e marcação no meio de campo.

O favoritismo no confronto ainda é todo verde-amarelo. O Brasil é mais equilibrado e tem tudo para aproveitar os espaços que serão cedidos pelos belgas que não jogam retrancados. Mas será um teste de peso no caminho para o sexto título mundial. Os dias de espectador de luxo de Alisson acabaram.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.