i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Diogo Schelp

Foto de perfil de Diogo Schelp
Ver perfil
Ano Novo

Como sobreviver a 2021

  • Diogo SchelpPor Diogo Schelp
  • 27/12/2020 18:00
sobreviver a 2021
O ano da esperança?| Foto: Gerd Altmann/Pixabay

O ano de 2020 não vai deixar saudades. A pandemia do novo coronavírus dizimou aproximadamente 1 em cada 1.000 brasileiros. Oito em cada dez pegaram ou conhecem alguém que pegou covid-19. A pandemia aprofundou as diferenças ideológicas entre os cidadãos do país, mas o vírus é cego para cores políticas. Todos foram afetados, seja na saúde, seja pelas restrições no cotidiano, seja pelo impacto econômico. O número de desempregados, para ficar só em um dos principais dramas desse ano, aumentou 38,6% desde maio, segundo o IBGE. Temos, portanto, todo o direito de depositar as esperanças em 2021. Não tem como ser pior que 2020. Mas não vai ser fácil. Algumas atitudes simples podem ajudar a sobreviver a 2021.

Vacine-se contra covid-19, se você está no grupo de brasileiros que terá esse direito. Mais de 4 milhões de pessoas em sete países já tomaram a primeira dose — apenas meia dúzia de indivíduos tiveram reação, mas já estão bem de saúde. A proteção contra a doença não é privilégio das nações ricas. Países latino-americanos como México, Costa Rica, Chile e Argentina já começaram ou iniciam esta semana a campanha de imunização. No Brasil pode demorar um pouco mais e a cobertura será menor, mas não ficaremos de fora.

O diretor-geral da farmacêutica AstraZeneca disse neste domingo (27) que sua vacina tem 100% de eficácia. Esse é o imunizante ao qual o governo federal, via parceria da Fiocruz com o laboratório britânico, deu prioridade. Outra vacina promissora é a Coronavac. Esqueça essa história de que foi desenvolvida na China. Ela foi testada por cientistas brasileiros e será produzida por aqui. Também há a possibilidade de termos as vacinas da Pfizer, da Moderna, entre outras. Todas têm se revelado seguras nos testes clínicos com voluntários.

Se a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), órgão vinculado ao Ministério da Saúde, aprovar, não há nada a temer. Isso pode salvar sua vida — e pode salvar a vida de quem não terá acesso às vacinas, por não estar nos grupos prioritários, mas que venha a se contaminar com a forma grave da doença e a precisar de uma vaga em um hospital. Você pode sobreviver a 2021... e pode ajudar outras pessoas a sobreviver a 2021.

Aceite o duro fato de que a pandemia ainda não está chegando ao fim. Ficar trancado em casa, como no começo de tudo, parece inviável agora. É preciso trabalhar, é preciso resolver problemas na rua, é preciso tirar as crianças de casa para não enlouquecer. Mas não é hora de abusar da flexibilização. Precisa mesmo fazer festas ou encontros com mais de oito ou dez pessoas? Precisa mesmo ir a bares lotados ou dispensar as máscaras? Precisa frequentar praias lotadas?

O preço que cada um de nós vai pagar por essas exceções que se tornam regra de comportamento é um aumento exponencial no número de novos casos em janeiro e fevereiro. Sobreviver a 2021 é sobreviver ao início do ano. É chegar a março sem ter contribuído para lotar novamente as UTIs dos hospitais e sem colocar em risco o que deveria ser realmente prioritário: a reabertura das escolas e a retomada da economia e dos empregos.

Cuide mais de si mesmo e dos familiares mais próximos. Você e sua família valem mais do que ideologias, do que dinheiro e do que prazeres momentâneos. Não abandone ideologias, dinheiro e prazeres, apenas não os coloque acima da sua própria sobrevivência e do amor pelo próximo.

Exerça a empatia e não siga cegamente os políticos de ocasião. Eles pensam apenas em si mesmos. Não deixe que o que eles lhe dizem sirva de fomento para o ódio, seja contra familiares que pensam diferente de você, seja contra pessoas desconhecidas.

Empatia é conseguir imaginar-se na pele do outro. Respeite a dor do outro e a sua dor será respeitada.

Deixe de lado os sentimentos e a atitude de "não ligo", "não estou nem aí", "fazer o quê?", "isso não é comigo" ou "a responsabilidade não é minha".

Sobreviver a 2021 significa sobreviver coletivamente, pensando não apenas em si mesmo, mas também nos outros.

É dessa forma que a dor de 2020 vai dar lugar à alegria de 2021.

11 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 11 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.

  • D

    Doc

    ± 2 minutos

    Quantos especialistas em vacina tem o Brasil Fácil soma comentaristas, jornalistas, governadores, prefeitos , deputados, Juízes, advogados, engenheiros, publicitários, economistas, etc,etc. Mais ou menos 150.000.000 de especialistas. Que palhaçada, a realidade é a falta de Educação e disciplina deste contigente.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • J

      JOSE JOSUE NUNES

      ± 22 horas

      É desonesto o seu artigo. Aprofunde-se se quiser ser bom na matéria e como pessoa humana.

      Denunciar abuso

      A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

      Qual é o problema nesse comentário?

      Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

      Confira os Termos de Uso

      • A

        ABN

        ± 23 horas

        Gostei do texto !!!

        Denunciar abuso

        A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

        Qual é o problema nesse comentário?

        Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

        Confira os Termos de Uso

        • G

          gilson r c de oliveira

          ± 23 horas

          Interessante como insistem na "eficácia" das vacinas pra praga chinesa mas se calam quanto a SEGURANÇA das mesmas ou desconversam dizendo que vacinas pra gripe e sarampo são seguras como se fossem a mesma coisa. s

          Denunciar abuso

          A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

          Qual é o problema nesse comentário?

          Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

          Confira os Termos de Uso

          • S

            Sergio Vianna

            28/12/2020 14:03:46

            Sinto muito meu caro. Sigo da mesma maneira que comecei em Março. Não vou compartilhar! Nos vemos ao final de 2021 caso estejamos vivos até lá. Fique com Deus!!!!

            Denunciar abuso

            A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

            Qual é o problema nesse comentário?

            Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

            Confira os Termos de Uso

            • L

              LUANA CENTA

              28/12/2020 12:02:00

              Perfeito!

              Denunciar abuso

              A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

              Qual é o problema nesse comentário?

              Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

              Confira os Termos de Uso

              • L

                Llelis

                28/12/2020 10:49:59

                Pragmatismo em estado puro. Perfeito para a ocasião!

                Denunciar abuso

                A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                Qual é o problema nesse comentário?

                Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                Confira os Termos de Uso

                • O

                  Oirad Ojuara

                  28/12/2020 9:28:58

                  Quem foi o **** que colocou em uma pesquisa a pergunta "você pegou ou conhece alguém que já tenha tido Covid?". Não significa nada pois são duas perguntas numa só! Quanto desperdício de dinheiro uma pesquisa assim! A única explicação para isso é que está "proibida" qualquer pesquisa que indique o percentual da população que já tenha adquirido imunidade!

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  1 Respostas
                  • O

                    Oirad Ojuara

                    28/12/2020 9:35:35

                    O sistema está censurando quase todo o vocabulário. Nunca pensei que chegaríamos à isso! A palavra censurada é a mais comum para o significado de falta de inteligência. Não é nenhuma palavra chula. Muito triste o período que estamos vivendo!

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                • L

                  LSB

                  28/12/2020 1:30:23

                  Tenha empatia com os leitores, pare de escrever! Se ponha no lugar deles e imagine o qto é doído tanta desonestidade intelectual!

                  Denunciar abuso

                  A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                  Qual é o problema nesse comentário?

                  Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                  Confira os Termos de Uso

                  • L

                    LSB

                    28/12/2020 1:25:57

                    “Oito em cada dez pegaram ou conhecem alguém que pegou covid-19”.... 7 milhões de infectados = 3,5 a cada 100 brasileiros!!! E vc agrega os q pegaram com os q conhecem alguém q pegou para “marretar” a proporção de 8 em 10. Consegue perceber o qto vc é desonesto e mentiroso? Entende pq ninguém não compra nem carro ZERO km de jornalista?? Entende pq qto mais vcs mentem mais não acreditamos em vcs??? Então, Pedrinho, vai ficar gritando “é o lobo” até qdo? Até que esteja totalmente desacreditado???

                    Denunciar abuso

                    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

                    Qual é o problema nesse comentário?

                    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

                    Confira os Termos de Uso

                    Fim dos comentários.