Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Lins de Vasconcellos – Encontro Fraterno
| Foto: Imagem cedida pela organização

Promover a formação cidadã de jovens e adultos torna possível um futuro com mais oportunidades a 1.070 famílias atendidas pela Lins de Vasconcellos - Encontro Fraterno, instituição sem fins lucrativos que assiste mensalmente 4.500 pessoas no bairro Guaiapó, em Maringá (PR). Há 23 anos a OSC (Organização da Sociedade Civil) desenvolve programas nos campos de formação profissional, assistência social e serviços de convivência e fortalecimento de vínculos familiares. O histórico deste trabalho foi reconhecido no 1º Prêmio Impulso de Boas Práticas do Terceiro Setor realizado pelo Instituto GRPCOM, levando o troféu na categoria de Avaliação e Monitoramento de Impacto.

“Um lugar onde o amor é ferramenta de trabalho, o abraço é método pedagógico, o sorriso é uniforme e o bem é o único resultado esperado”, assim é descrita a entidade fundada em 1997 pelo casal Cleuzanir e Hermínia Ivantes, e que leva o nome de Lins de Vasconcellos, figura ligada à luta contra o analfabetismo no Brasil.

Entre os projetos e ações realizadas, destacam-se os programas “Pré-Aprendiz” e “Jovem Aprendiz”, que oferecem formação de base cidadã e técnica para que, jovens e adolescentes de 14 a 22 anos, ingressem no mercado de trabalho de maneira adequada à idade escolar, intercalando atividades profissionais remuneradas com o ensino profissional. Também são realizados cursos livres e oficinas de diversas áreas. Somados estes programas já impactaram mais de 12.700 pessoas desde 2010.

Além de criar novas oportunidades profissionais e de renda, são realizadas atividades de apoio à crianças e adolescentes de 0 a 17 anos, suas famílias e também idosos acima dos 60 anos. São aplicadas práticas de convivências fundamentadas no programa de “Proteção Social Básica” da Política de Assistência Social (PNAS) e Sistema Único de Assistência Social (SUAS), com o objetivo de diminuir a ocorrência de situações de risco por meio do fortalecimento de vínculos familiares.

A comunidade maringaense ainda é atendida com serviço de orientação e apoio à gestantes, palestras, atendimento dermatológico gratuito e distribuição de cestas básicas, móveis, roupas e medicamentos.

“O Lins presta serviços à comunidade a partir das demandas sociais que surgem, então é sempre muito importante um prêmio como o do Impulso pois ele é um feedback do trabalho que entregamos à sociedade. Essa premiação nos ajuda a medir a efetividade dos nossos processos, a dar visibilidade aos resultados e credibilizar a instituição frente às pessoas que são atendidas, à sociedade e todos que contribuem, investem e acreditam no projeto”, comenta a coordenadora da Lins, Ana Tiene.

Atualmente a instituição segue adaptando suas práticas pedagógicas à realidade que a pandemia do Covid-19 trouxe, tendo o objetivo de atender remotamente as famílias cadastradas em situação de baixa renda e, dentre estas, dar atenção maior à 145 que estão abaixo da linha da pobreza (famílias com renda inferior a R$ 178,00 por pessoa). A Lins de Vasconcellos é mantida por meio de doações de empresas e pessoas físicas de maneira direta e/ou por meio de programas de abatimento fiscal como o FIA (Fundo para a Infância e Adolescência) com a destinação de até 6% do imposto de renda (IRRF). Para mais informações acesse: linsdevasconcellos.org.br.

Sobre o Prêmio Impulso - Ao todo, foram inscritas 256 práticas de 145 Organizações da Sociedade Civil (OSCs) de todo o Paraná, divididas em 13 categorias. As Instituições que alcançaram nota acima de 7 foram certificadas como boas práticas e as que mais se destacaram em cada categoria levaram os troféus para casa.

*Texto elaborado com informações disponibilizadas pela Instituição Lins de Vasconcellos e pelo Instituto GRPCOM.

**Artigo escrito por Lucas Souza, jornalista com experiência em marketing de conteúdo e produção audiovisual. Lucas é colaborador voluntário do Blog Giro Sustentável da Gazeta do Povo.

Quer saber mais sobre cidadania, educação, cultura, responsabilidade social, sustentabilidade e terceiro setor? Acesse nosso site! Acompanhe o Instituto GRPCOM também no Facebook: InstitutoGrpcom e Instagram: instagram.com/institutogrpcom

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]