Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Organização na gestão de voluntários
| Foto: Freepik

Imagine uma empresa em que ninguém “bate ponto”, em que não há qualquer tipo de registro de quantas horas cada funcionário dedicou ao trabalho e ninguém sabe se está precisando dedicar mais tempo às suas atividades ou se sobrecarregando de horas extras. Seria um caos, não é mesmo? Pode parecer óbvio que registrar e organizar esses dados é essencial, mas muitas organizações do terceiro setor não fazem isso. Felizmente, algumas OSC percebem desde cedo que não é possível levar projetos adiante dessa forma.

A Sociedade Filantrópica Semear, de Medianeira-PR, criada em 2005, atende 230 crianças e adolescentes do bairro Belo Horizonte e tem por objetivo incentivá-los a se envolverem com atividades artísticas, intelectuais e esportivas. A OSC surgiu com o propósito de afastar esses jovens do mundo das drogas, infelizmente tão presente na região. Para isso, a Semear oferece oficinas de esporte, dança, artesanato, incentivo à leitura, informática, canto e música, entre outras categorias. E os resultados são perceptíveis: 100% do público atendido está matriculado e frequentando o ensino regular. Além disso, adolescentes e jovens são inseridos no mercado de trabalho como aprendizes, tanto em empresas privadas quanto nas prefeituras dos municípios da região do Oeste do Paraná.

Ao longo dos anos, a OSC criou parcerias, iniciou projetos, convênios e fomentos. Além do Serviço do Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), que oferece as oficinas, a Semear desenvolver o projeto Salão de Beleza Spabelle, onde realiza atendimentos de cuidado com os cabelos, para melhorar a autoestima dos jovens (que nem sempre têm acesso a esse tipo de serviço). Outra iniciativa que merece destaque é o Projeto Preservando a Vida (PPV), que dá destaque a prevenção e conscientização de temas como a depressão e automutilação, tão presentes na vida dos adolescentes.

Desde o início, a OSC percebeu a necessidade de criar um sistema de organização para registrar o tempo de dedicação de seus voluntários e colaboradores. A solução encontrada foi simples e eficaz: uma planilha que reuniu todos os dados necessários em um só lugar. Essa iniciativa, que a princípio parece tão singela, foi essencial para a gestão da organização e garantiu à Semear o Prêmio Impulso em 2019, na categoria Gestão de Voluntários.

Quer saber mais sobre cidadania, educação, cultura, responsabilidade social, sustentabilidade e terceiro setor? Acesse nosso site! Acompanhe o Instituto GRPCOM também no Facebook e Instagram.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]