i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

João Frey

Foto de perfil de João Frey
Ver perfil
Investimentos

Cinco obras no Paraná que receberão dinheiro federal em 2020

  • Por João Frey
  • 10/09/2019 13:00
Obras na BR-163 têm previsão de receber R$ 120 milhões em 2020
Obras na BR-163 têm previsão de receber R$ 120 milhões em 2020| Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

O orçamento de investimentos do governo federal para 2020 é o menor desde 2007, quando começou a série histórica feita pela Secretaria do Tesouro Nacional. Com o bolo escasso, a fatia que cabe ao Paraná também é pequena. No projeto de orçamento do ano que vem encaminhado pelo governo ao Congresso Nacional, apenas cinco obras concentram a maior parte dos recursos.

Dos R$ 183 milhões para investimentos que estão previstos no estado, R$ 150 milhões são para a área de infraestrutura. O restante será destinado aos orçamentos das instituições de ensino superior federais do estado.

Duas obras em rodovias

O investimento mais vultuoso está previsto na BR-163: são R$ 120 milhões em duas obras distintas. R$ 60 milhões serão para obras de duplicação no trecho Cascavel-Guaíra. Em 2019, o orçamento previsto inicialmente para o trecho era de R$ 83 milhões. Os R$ 60 milhões restantes vão para obras de duplicação e adequação rodoviária na BR-163, entroncamento com a BR-277, na região de Cascavel.

Porto de Paranaguá

Outro ponto em que o governo concentra investimentos de infraestrutura em 2020 é na operação portuária. Dos R$ 83,1 milhões previstos, R$ 28 milhões têm como destino obras de dragagem de aprofundamento no Porto de Paranaguá. Segundo informações do Ministério da Infraestrutura, os recursos serão destinados a “um possível aditivo que está sendo analisado pela área técnica e o apoio à fiscalização, por conta do tempo de assoreamento ocorrido no período de execução do serviço de dragagem”.

LEIA MAIS: União freia obras em rodovias do Paraná. Pode faltar dinheiro até para manutenção

Atualmente, os portos do Paraná já estão realizando uma dragagem de manutenção, que vai durar pelos próximos cinco anos. O contrato é de R$400 milhões e as obras estão em andamento.

VEJA TAMBÉM: Obra vai dobrar capacidade do terminal no Porto de Antonina

Segundo o governo federal, os empreendimentos em portos, de modo geral, priorizam as dragagens, as obras de acesso terrestre, a modernização portuária, a melhoria da gestão, do controle do tráfego de navios e a ampliação da eficiência logística. “Essas ações contribuem para a competitividade dos produtos nacionais e a produtividade operacional e, com isso, dinamizam a economia e reduzem o chamado Custo Brasil.”

Aeroportos de Londrina e Foz do  Iguaçu

Outro investimento federal em infraestrutura que está em sintonia com as ações do governo estadual é no setor aeroportuário. Enquanto o governador Carlos Massa Ratinho Junior (PSD) tem costurado parcerias com empresas aéreas para incentivar a aviação regional, a União investe, ainda que pouco, na melhoria de aeroportos. O orçamento do ano que vem prevê obras nos aeroportos de Foz do Iguaçu e Londrina. Os dois terminais devem ser concedidos à iniciativa privada, mas antes disso deve haver obras financiadas com dinheiro público. A expectativa do governo do Paraná é que essas melhorias aumentem o valor pago pela iniciativa privada para assumir esses terminais.

LEIA MAIS: Pista do aeroporto de Foz será ampliada para receber voos internacionais

Para o aeroporto Governador José Richa, em Londrina, estão previstos R$ 1,3 milhão na modernização e reaparelhamento do terminal. As principais intervenções previstas são a ampliação da pista e a instalação do equipamento ILS, que permite que os pousos sejam feitos por instrumento.

Em agosto, após uma reunião na Secretaria de Aviação Civil, Ratinho Junior anunciou que a União pagaria a ampliação na pista do aeroporto de Foz do Iguaçu. A previsão do governador era de que as obras custassem R$ 70 milhões. A intervenção até está prevista no projeto de Orçamento, mas em um valor muito abaixo da necessidade: R$ 197 mil. Essa diferença pode atrapalhar o cronograma imaginado pelo governo estadual, de começar a licitação da obra no prazo máximo de seis meses e entregar a pista concluída até o fim do primeiro trimestre de 2021.

Acompanhe o blog no Twitter.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 1 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.

  • J

    Jorge Dias

    ± 0 minutos

    Isso não é nada em comparação ao que precisamos, e mais: isso é ainda mais nada em comparação ao que o Paraná gera de imposto.

    Denunciar abuso

    A sua denúncia nos ajuda a melhorar a comunidade.

    Qual é o problema nesse comentário?

    Obrigado! Um moderador da comunidade foi avisado sobre a denúncia. Iremos avaliar se existe alguma violação aos Termos de Uso e tomar as medidas necessárias.

    Confira os Termos de Uso

    • Máximo 700 caracteres [0]