Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Ex-deputado Valdir Rossoni (PSDB) (Foto: Aniele Nascimento/Gazeta do 
 Povo)
Ex-deputado Valdir Rossoni (PSDB) (Foto: Aniele Nascimento/Gazeta do Povo)| Foto:

O ex-deputado federal Valdir Rossoni (PSDB) entrou na Justiça com um pedido de indenização de R$ 100 mil à deputada Joice Hasselmann. Ele argumenta ter sido difamado por Joice em uma entrevista em que a deputada concedeu ao jornalista Roberto Cabrini, no programa Conexão Repórter, do SBT. No trecho destacado por Rossoni, Joice afirma ter recebido uma proposta de propina por parte de uma assessora do ex-deputado.

Segundo Joice, após fazer uma série de reportagens denunciando desvios na Assembleia Legislativa do Paraná quando a casa era comandada por Valdir Rossoni, ela teria recebido uma ligação de uma assessora do então presidente perguntando quanto ela cobraria para parar com as denúncias. Na entrevista, Joice diz ter denunciado a tentativa de suborno ao vivo nos microfones da rádio Band News FM.

LEIA MAIS: Uma enxurrada de ações contra deputados do Paraná por despesas com alimentação

Na ação, o principal argumento da defesa de Rossoni é que Joice acusa sem apresentar provas.

“Toda a entrevista ofensiva e com inverdades se baseia numa fonte de informação – da própria ré -, a qual sem qualquer demonstração documental da acusação feita aponta de forma inconteste o autor de ter oferecido propina a ela”, dizem os representantes de Rossoni.

“É evidente o potencial negativo que essa entrevista, divulgada numa das maiores emissoras de televisão do país (SBT) e publicada no canal conexão repórter junto ao site do YouTube encerra. Por tal ofensa, vê-se claramente a vontade da ré em difamar o autor, imputando-lhe um ato desonroso que nem de longe praticou”, prossegue a defesa.

Apesar de a entrevista ter sido veiculada em novembro de 2018, a ação foi apresentada por Rossoni à Justiça do Paraná no dia 25 de abril.

Acompanhe o blog no Twitter. 

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]