Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
(Imagem: Reprodução/Getty Images)
(Imagem: Reprodução/Getty Images)| Foto:
(Imagem: Reprodução/Getty Images)

(Imagem: Reprodução/Getty Images)

Após oito anos sem gravar especiais de stand-up para a tevê, Chris Rock volta ao ofício, agora na Netflix. Segundo o site The Hollywood Reporter, o comediante vai embolsar nada menos de Us$ 40 milhões – cerca de R$ 128 milhões, na cotação atual – por dois especiais para o serviço de streaming.

Estima-se que o valor (US$ 20 milhões por episódio) seja o mais alto já pago para uma produção do gênero. Humoristas “classe A”, como Jerry Seinfeld, Amy Schumer e Louis C.K. nunca receberam cachês similares.

O primeiro especial será gravado em 2017, e uma turnê mundial está programada para a sequência. Ainda não há data de lançamento para o Netflix, nem se sabe quando ocorrerá a gravação do segundo especial.

Em comunicado, Ted Sarandos, chefe de conteúdo do site, disse que Chris “é um amado ator e diretor, e faz parte da realeza da comédia. Não há ninguém como ele, e a Netflix oferece a plataforma global e a liberdade criativa que servirão perfeitamente como casa para seu incrível talento”.

Será que Chris está mandando um “parece que o jogo virou, não é mesmo?” para os colegas que tanto o ~zoavam na infância (que você deve ter cansado de ver em “Everybody Hates Chris”)?

via GIPHY

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]