Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
John Polkinghorne, padre anglicano e especialista em física quântica
John Polkinghorne, padre anglicano e especialista em física quântica, foi um dos principais nomes do diálogo contemporâneo entre ciência e fé.| Foto: Louis Monier/Getty Images/AFP

O Queens’ College, da Universidade de Cambridge, anunciou a morte de John Polkinghorne, aos 90 anos, ocorrida na terça-feira, dia 9. Não há quem esteja envolvido com o diálogo entre ciência e fé e não o conheça. Afinal, ele foi um dos que começou a desbravar esse território quando ainda era tudo mato, ao lado de Ian Barbour. Mas bem antes disso ele já tinha construído uma carreira formidável como físico, especialmente na área da física quântica, tendo participado da descoberta dos quarks e trabalhado como professor ou pesquisador em universidades e instituições como o CalTech, Princeton, Berkeley e o Cern. Polkinghorne foi cristão por toda a sua vida, e depois de ter se estabelecido como físico, decidiu entrar para o clero anglicano, ordenando-se padre em 1982.

Polkinghorne foi um dos primeiros nomes que conheci quando comecei a escrever sobre ciência e fé, mas infelizmente não li tanto a obra dele quanto deveria. Aqui no blog, eu resenhei seu livro Um cientista lê a Bíblia, que é um roteiro de meditações para a Quaresma – justamente o tempo litúrgico em que estamos agora. Também não tive a chance de conhecê-lo pessoalmente, e foi por pouco: ele deu aulas nos cursos de verão do Instituto Faraday, em Cambridge, em 2008, 2009, 2010, 2012 e 2013, mas estive lá bem no curso de 2011... a área de multimídia do Faraday tem inúmeros vídeos com as participações dele nos eventos do instituto, vale a pena conferir.

Nas mídias sociais, vários nomes importantes do diálogo entre ciência e fé já se manifestaram. Karl Giberson lembrou, por exemplo, da amizade entre eles, chamando-o de “amigo, inspirador e mentor”:

Peter Harrison, da Universidade de Queensland, o chamou de “gigante”:

Thomas Jay Oord lembrou que os dois trabalharam juntos em uma compilação dos escritos de Polkinghorne que ele considerava mais importantes:

O escritor John Farrell o chamou de “um dos melhores escritores no campo de ciência e religião”:

A Associação Brasileira de Cristãos na Ciência publicou nota no Instagram:

Guilherme de Carvalho, colunista da Gazeta do Povo e presidente da ABC2, conheceu Polkinghorne pessoalmente e contou o que mais lhe chamou a atenção no físico e clérigo britânico:

Que Deus receba John Polkinghorne em Sua glória e o recompense por todo o bem que fez!

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]