i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?

Vosso Blog de Comida

Foto de perfil de Vosso Blog de Comida
Ver perfil
Sem uma tradução adequada, digo que são duas fatias finas de carne recheadas

Portafoglio com queijo brie e ervilhas

  • Porjussara voss
  • 12/04/2020 13:39
A carne, o queijo, o molho, as ervilhas. Precisei repetir.
A carne, o queijo, o molho, as ervilhas. Precisei repetir.| Foto:

Aprendi muito com o chef Sérgio Arno, foi um dos primeiros a sair ensinando brasileiros a fazerem o legítimo risoto, afinal, já tínhamos produtos importados, como o arroz usado na Itália. Um pioneiro. Seu La Vecchia Cucina, e depois o Pasta Gialla, ficaram famosos. Cozinha italiana moderna.

As receitas do seu livro “A cozinha de amor e de paixão”, subtítulo: “quando o sonho enfim encontra o seu justo destino”, lançado em 1999, com apresentação do jornalista Josimar Melo, são daquelas que salvam em qualquer situação. Sempre dão certo. Só tenho a agradecer. Repeti o “portafoglio al brie e piselli” – fiz pela primeira vez em 2003 – porque a lembrança que ficou era de que valia a pena. Estava certa, é mesmo muito bom e fácil de preparar.

Esse foi o segundo livro do chef e vinha acompanhado de um caderno com as receitas para entrar na cozinha, tão bom como o da Mari Hirata, que colocou plástico na capa para não sujar, ou uma coleção que comprei não sei quando que vinha com fichas e plástico.

Ingredientes

16 escalopes de filé mignon

sal e pimenta-do-reino

8 fatias finas de queijo brie

1 xícara (chá) de farinha de trigo

8 colheres (sopa) de manteiga

4 colheres (sopa) de óleo de milho

1 copo de vinho branco seco

2 xícaras (chá) de ervilhas cozidas (de preferência frescas)

1 xícara (chá) de caldo de carne

Modo de preparar

Tempere a carne com o sal e a pimenta-do-reino. Disponha em um prato oito escalopes e coloque sobre cada um uma fatia de queijo brie. Cubra com os oito escalopes restantes, pressionando bom as bordas para que não abram durante a fritura. Enfarinhe os portafoglios de ambos os lados, retirando o excesso.

Numa frigideira, coloque a metade da manteiga e o óleo de milho. Frite os portafoglios de ambos os lados até dourarem. Retire a metade da gordura e despeje o vinho, cozinhando até reduzir de um terço. Junte as ervilhas cozidas e acrescente o caldo de carne e o restante da manteiga. Deixe no fogo até engrossar.

Para quatro pessoas.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.