Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

Quase 2 mil convidados participam hoje do lançamento da Exposição Agropecuária e Industrial de Londrina, que nesta edição celebra os 50 anos da Sociedade Rural do Paraná (SRP). Na temática da comemoração, a diretoria resgata a história e o glamour de meio século de atuação, política, econômica e social da entidade, uma organização de classe que acompanhou e participou de todos os ciclos de desenvolvimento do Norte do Paraná. Primeiro com o café, depois com o gado e os grãos, foram cinco décadas que transformaram a produção primária, agrícola e pecuária em atividade agroindustrial. Foi um período em que a ExpoLondrina se consolidou como uma estratégia de diversificação, conta Alexandre Lopes Kireeff, presidente da SRP. Mas o evento de hoje, destaca o dirigente, não é apenas para comemorar o passado, como também para falar do futuro. Ele entende que a sobrevivência da entidade está diretamente relacionada com ações pró-ativas. "Precisamos, agora, atuar na transferência de tecnologia. A SRP deve assumir essa responsabilidade e ser cada vez mais útil ao produtor." Por outro lado, Kireeff acredita também que é necessário garantir a interface entre o produtor e comunidade, o urbano e rural.

Essa seria a lição de casa. Mas ainda é preciso levantar e consolidar bandeiras estratégicas, como a verticalização da produção. Kireeff defende investimento e fomento na agroindústria, como forma de agregar valor e garantir sustentabilidade econômica à atividade, dentro e fora da porteira. O tema, já incorporado pela Sociedade Rural nos últimos anos, agora é desafio e precisa ser fortalecido, acrescenta o presidente da SRP.

A consagração do lançamento que será realizado na noite de hoje será em abril, entre os dias 1 e 11, numa extensa programação técnica, sócio-cultural e de entretenimento. O Parque Governador Ney Braga está sendo preparado para repetir ou então superar os 457 mil visitantes do ano passado. Do portão de entrada aos currais, pistas de leilões e arenas de shows, "vamos contar a nossa história, que é uma parte da história do Paraná", diz Kireeff. Durante a programação será inaugurado o Museu da SRP. Integra o acervo uma seleção de 30 mil fotos, catalogadas e identificadas, através da qual será possível, prometem os organizadores, reviver os 50 anos sociedade.

Serviço: restrito a convidados, o evento na Sociedade Rural do Paraná (SRP) ocorre a partir da 20h30, no Parque Governador Ney Braga.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]