Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Foto: Newspress/ Divulgação
Foto: Newspress/ Divulgação| Foto:

Depois da estreia do T-Cross no começo do ano, a Volkswagen prepara o lançamento de outro SUV no Brasil. O médio-compacto Tarek já roda em testes pelas ruas, sendo flagrado na região do ABC paulista.

O modelo está previsto para chegar ao mercado brasileiro em 2020, vindo da fábrica de General Pacheco, na Argentina.

Ele vai encarar o Jeep Compass, com um porte ligeiramente maior que o futuro rival: mede 4,45 metros de comprimento e 2,68 m de entre-eixos, contra 4,41 m e 2,63 m do Jeep. O Volks leva vantagem também no volume do porta-malas, com 445 litros, ante os 410 l.

Apesar da camuflagem zebrada no flagra do Tarek, nota-se que o carro de design quadrado - igual ao T-Cross - possui uma dianteira destacada, com capô alto, e lanternas duplas na traseira, invadindo a tampa do porta-malas.

Foto: Renato Maia/ Falando de Carro.com
Foto: Renato Maia/ Falando de Carro.com

O disfarce se justifica pelo visual um pouco diferente do modelo que já foi revelado na China, sob o nome de Tharu.

O carro flagrado trazia grade preta e sem os filetes cromados vistos na versão asiática. Também se difere do chinês no para-lama e no desenho das rodas, e ainda não vem com o acabamento diamantado.

Por dentro,o design remete ao T-Cross, com linhas mais retilíneas e a presença do quadro de instrumentos 100% digital fazendo dobradinha com a central multimídia Discover Media e sua tela de 8". A Volks não deve repetir o mesmo acabamento com plástico rígido e sóbrio demais do irmão menor. O que se espera é um nível próximo ou igual ao do Tiguan.

O motor a ser adotado é o 1.4 TSI, de 150 cv e 25,5 kgfm, associado ao câmbio de 6 marchas, presente no T-Cross Highline, o topo da gama. A tração é dianteira, mas não está descartada a integral num segundo momento.

Foto: Daniel Messeder/ Motor1.com
Foto: Daniel Messeder/ Motor1.com
 Foto: Daniel Messeder/ Motor1.com
Foto: Daniel Messeder/ Motor1.com

O Tarek ficará posicionado entre o T-Cross e o Tiguan, como um SUV intermediário, com uma variação no preço estimada de R$ 120 mil a R$ 150 mil.

A chegada dele deve forçar a retirada da configuração de entrada com 5 lugares do Tiguan, permanecendo a Confortline e R-Line de 7 lugares.

Por enquanto, as informações que circulam pelo meio automotivo são essas. Novidades devem surgir até a data do lançamento. Uma delas é se a Volks irá manter o nome Tarek, uma vez que o martela ainda não foi batido.

Foto: Newspress/ Divulgação
Foto: Newspress/ Divulgação
Foto: Volkswagen/ Divulgação
Foto: Volkswagen/ Divulgação

A ofensiva da Volks no segmento de SUV/ crossover não para por aí. A montadora prepara um modelo abaixo do T-Cross, que deve ganhar o batismo de T-Sport.

A lista de estreia inclui também a picape Tarok, apresentada como conceito no Salão de São Paulo 2018. A previsão é chegar em 2021 para duelar com a Fiat Toro.

As imagens dos flagras foram cedidas à Gazeta do Povo pelos jornalista Daniel Messeder (Motor1.com) e Renato Maia (Falando de Carro.com).

2 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]