Resultados do UFC Belém: Lyoto derrota americano por decisão dividida
Blog Luta Livre
Blog Luta Livre

Em casa, Lyoto Machida vence americano; confira todos os resultados do UFC Belém

Principal estrela do UFC Belém, o brasileiro Lyoto Machida voltou vencer após três anos de seca dentro do octógono.

Na madrugada desse domingo (4), o baiano radicado no Pará derrotou o americano Eryk Anders por decisão dividida.

LEIA MAIS: Dana White detona árbitro brasileiro por atuação ‘nojenta’

Aos 39 anos de idade, o ex-campeão dos meio-pesados(até 93 kg) vinha de três reveses seguidos, todos na categoria média (até 84 kg). Já o rival, nove anos mais jovem, estava invicto com dez vitórias.

“Significa muito pra mim [essa vitória]. Foi um longo período dificuldade, de derrotas, mas a palavra que se encaixa aqui é superação”, vibrou o lutador em entrevista ao Combate.

“É só o início. Tenho muita coisa para mostrar ainda”, completou o veterano, que pediu para enfrentar o inglês Michael Bisping, ex-campeão da divisão.

Veja os melhores momentos da luta:

LEIA MAIS: Quanto ganha um lutador do UFC?

Já no co-main event, a estreante Priscila Pedrita foi derrotada pela quirguistanesa Valentina Shevchenko, em luta com atuação polêmica da arbitragem. Além, dela o peso-pesado (até 120 kg) Marcelo Golm foi o outro brasileiro que não teve o braço levantado em Belém.

No fim das contas, porém, o saldo foi bastante positivo para o Brasil, com oito triunfos e apenas duas derrotas. Cenário bem diferente das nove derrotas e apenas uma vitória que os atletas nacionais acumularam nos três eventos do UFC em janeiro de 2018.

Confira abaixo todos os resultados do UFC Belém:

CARD PRINCIPAL

Lyoto Machida venceu Eryk Anders por decisão dividida

 

Valentina Shevchenko venceu Priscila “Pedrita” Cachoeira por finalização no 2R

Michel Trator venceu Desmond Green por decisão unânime

Timothy Johnson venceu Marcelo Golm por decisão unânime

Douglas D’Silva venceu Marlon Vera por decisão unânime

Thiago Marreta venceu Anthony Smith por nocaute técnico no 2R

CARD PRELIMINAR

Serginho Moraes venceu Tim Means por decisão dividida

Alan Nuguette venceu Damir Hadzovic por decisão unânime

Polyana Viana venceu Maia Stevenson por finalização no 1R

Iuri Marajó venceu Joe Soto por nocaute técnico no 1R

Deiveson Figueiredo venceu Joseph Morales por nocaute técnico no 2R

8 recomendacões para você