Restaurantes

novidade em Curitiba

Após 63 anos, Sorveteria do Gaúcho abre café especializado em affogatos

Café do Gaúcho está funcionando em soft opening e abre para o público neste sábado (22)

por Priscila Bueno, especial para Gazeta do Povo Publicado em 21/09/2018 às 19h
Compartilhe

São 63 anos de história servindo sorvete na Praça do Redentor. Praça que ficou conhecida como do Gaúcho. E uma nova história da tradicional Sorveteria do Gaúcho começa a ser contada agora. A terceira geração da família, que começou com o pioneiro Adalberto dos Santos, renovou a sorveteria recentemente e abre o Café do Gaúcho.

Débora Vanzuit dos Santos e o tio, Airton dos Santos, estão à frente das novidades. “Quando o meu avó abriu a sorveteria não tinha nada igual. São quase 300 m² de um prédio que é da família”, comenta. “Então, resolvemos dar uma repaginada. A última reforma tinha sido feita em 1974”, completa.

  • Café Gaúcho
  • Cafe Gaucho
  • Cafe Gaucho affogato
  • Cafe Gaucho
  • café gaucho
  • Cafe Gaucho
  • Cafe Gaucho
  • Cafe Gaucho
  • Cafe Gaucho
  • Cafe Gaucho
  • Café GaúchoFachada do Café Gaúcho. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo.
  • Cafe GauchoTorta de pão é feita com fatias de pão, molho bechamel, presunto, queijo e gratinada. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo.
  • Cafe Gaucho affogatoAffogato feito com sorvete de menta. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo.
  • Cafe GauchoFoto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo.
  • café gauchoFraisier de morangos e chocolate. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo.
  • Cheesecake. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo.
  • Cafe GauchoBrownie. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo.
  • Cafe GauchoTorta alemã tem as bolachas cobertas com chocolate. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo.
  • Cafe GauchoFoto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo.
  • Cafe GauchoCafé Gaúcho funciona na Sorveteria do Gaúcho. Foto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo.
  • Cafe GauchoFoto: Fernando Zequinão/Gazeta do Povo

LEIA TAMBÉM

Conheça a história da Sorveteria Gaúcho

Junto à ela, Débora conta que surgiu a ideia do café. Funcionando em sistema soft opening desde o mês passado, a cafeteria tem a característica de fabricar muitos itens que vão nos doces e nos drinks de café, como o caramelo, o marshmallow e a ganache, além de alguns produtos unirem o café e a sorveteria.

Para implementar o cardápio de doces, ela contou com o auxílio da sócia Juliana Swiech. “Eu gosto muito da confeitaria francesa. Visitei algumas confeitarias daqui, mas também pensei nos clientes da sorveteria”, conta ela. “Temos o sabor mais trivial, mas também coisas diferentes, como o cumaru”, diz.

Um dos itens do menu que surgiu da união do café com a sorveteria é o affogato (R$ 10). Débora conta que o cliente pode escolher o sabor do sorvete (o original leva sorvete de creme). “Queremos criar uma ‘affogateria’, no qual o cliente monta o seu affogato”, disse. Outro sabor de sorvete foi incluído na sorveteria por causa do café. É o sorvete de cold brew (infusão a frio de café), R$ 4, a bola.

Melhor café de Curitiba é servido em loja com três metros quadrados

O cardápio de cafés vai desde o espresso (R$ 4,50), passando pelo Vanilla Café (R$ 10) – que tem feito bastante sucesso, diz Débora – até o café marshmallow (R$ 6), espresso curto com o marshmallow da casa. O Distinto Café criou um blend especial para casa, com a característica de ser achocolatado.

No espaço, que comporta 15 pessoas (a sorveteria ainda tem 60 lugares que também podem ser ocupados por quem frequenta o café), a vitrine com os doces se destaca. A torta Cumaru (R$ 13,50) leva mousse de chocolate branco com infusão de cumaru. Quem gosta de brownie tem duas tortas à disposição, a torta brownie com doce de leite e a torta que leva brownie e é recheada com caramelo e trufa de chocolate amargo (R$ 13,50). A torta alemã tem as bolachas cobertas com chocolate (R$ 12,50) e a fraisier de morangos e chocolate custa R$ 12,50 a fatia.

O café também serve salgados. A coxinha (inclusive com a opção sem glúten e lactose), R$ 5,50, e os pasteizinhos de carne e queijo (seis unidades, R$ 7,50) são fritos na hora. O empadão, também feito ali, é de frango com catupiry (R$ 8 o pedaço). Outra atração é a clássica torta de pão. É feita com fatias de pão, molho bechamel, presunto, queijo e gratinada. A porção individual custa R$ 8 e a para duas pessoas, R$ 15.

Serviço

Compartilhe

8 recomendações para você