Restaurantes

De Curitiba para NY

Manu Buffara em NY serve pratos à la carte e drinks com ingredientes brasileiros

Chef quer se distanciar do conceito do Manu, em Curitiba, e leva para NY menu com pratos para dividir em atmosfera descontraída

por Marina Mori Publicado em 04/09/2019 às 16h
Compartilhe

Dois irmãos com personalidades completamente diferentes. É assim que a paranaense Manoella Buffara — a chef com maior ascensão no Brasil (e uma das no mundo) — descreve seus restaurantes. O primogênito Manu, aberto em 2012 em Curitiba, e o caçula Ella, com previsão de inauguração no fim de novembro em Nova York. Com atmosfera mais descontraída e pratos que dispensam finalizações minuciosas, o novo empreendimento mostra um outro lado da cozinheira, conhecida pela criatividade.

manu-buffara-chef-curitiba

Em menos de 24 meses, Manu Buffara foi convidada a cozinhar com os melhores chefs do mundo em dezenas de viagens. Foto: Reprodução / Instagram

As diferenças começam pelo cardápio. Ao contrário do menu degustação do Manu, uma sequência de quase três horas de fine dining, o Ella será composto por aproximadamente 15 opções à la cartemas nada parecido com o estilo brasileiro.

“A ideia é que a pessoa possa comer dois, três pratos e dividir com quem está na mesa para provar mais opções do cardápio. No Brasil a gente não tem muito disso”, explica a chef. Um restaurante com proposta semelhante é o também nova-iorquino Estela, que integra a lista dos 50 Best Restaurants.

Entre as opções, pratos de US$ 25 a US$ 30 que levam de frutos do mar e vegetais frescos a carnes nobres, como o wagyu servido com banana-da-terra grelhada na manteiga, salsa de pão velho, alho, castanha de caju e calda toffee (feita com melado de cana) com demiglace. “Não tem tantos detalhes na montagem, sem necessidade de trabalhar com pinça”.

Casual e sofisticado

O estilo descolado e com um quê de bossa nova do Ella será transmitido através de um salão amplo com mesas de madeira para até seis pessoas assinado pelo designer Marcio Kogan. Ao todo, o restaurante localizado no Chelsea poderá comportar 98 pessoas, quase cinco vezes a mais que o Manu, em Curitiba.

Outra novidade do caçula é a inclusão do bar além da carta de vinhos (que poderão ser pedidos por taças). Os coquetéis serão assinados por Marcio Silva. À frente do Guilhotina Bar, em São Paulo, o paranaense foi eleito um dos bartenders mais influentes do mundo pelo Bar World 100, ranking da revista inglesa Drinks International.

“Vamos montar a carta juntos e a ideia é usar gins brasileiros e ingredientes que valorizem as raízes do Brasil de uma forma moderna e sofisticada. Vai ter cachaça, claro, mas caipirinha não”, diz a chef. Entre os destilados confirmados estão os gins Amázzoni, do Rio de Janeiro, e o YVY, de Minas Gerais.

Independente

Quando Manu Buffara anunciou a abertura de um novo restaurante, o mundo arregalou ainda mais os olhos para a chef curitibana. A atenção já estava pairando sobre ela desde que ganhou, em 2018, o One to Watch Award do The World’s 50 Best. A curiosidade, então, tinha a ver com o perfil do novo empreendimento.

Em Curitiba, a cozinheira se consolidou pelo uso de produtos que fazem parte do terroir paranaense – do açaí juçara e ostras de Guaratuba à farinha de mandioca de Morretes. Os ingredientes seriam levados também para Nova York? Definitivamente não.

“O Ella vai ser muito independente, porque os produtos que tenho disponíveis lá são diferentes. O ritmo vai depender do que os fornecedores têm para oferecer. Se eu tiver um bom foie gras num dia, vou usar. Se forem aspargos brancos em outro, é isso o que vai entrar no menu”, explica. “O que vai ser o mesmo é a minha essência, a minha cozinha”.

O Ella funcionará de segunda a domingo para almoço e jantar (aos domingos, apenas almoço) das 12h às 15h e das 17h às 23h, no 436 West 15th Street, Chelsea – NY.

VEJA TAMBÉM

>>> Feito de leite cru e curado por 10 meses: o queijo paulista eleito o melhor do país

>>> Jenipapo, a fruta brasileira que deixa tudo azul

Compartilhe

8 recomendações para você