Restaurantes

Tablets e smartphones

Restaurantes investem em tecnologia

Fazer pedidos ou consultar harmonizações em tablets e smartphones já é realidade em casas de Curitiba

por Andrea Torrente Publicado em 21/04/2014 às 00h
Compartilhe

A tecnologia chegou às mesas. Cada vez mais, bares e restaurantes de Curitiba apostam em novas ferramentas, como aplicativos para smartphones e tablets, redes sociais e cardápios eletrônicos, com o objetivo de oferecer um serviço mais rápido e eficiente aos clientes.

Com as novas ferramentas é possível fazer pedidos, consultar a carta de vinho ou descobrir qual é a melhor harmonização de um prato, diretamente no local. Apenas com um clique.

Acompanhando essa tendência, no começo de 2014, o Bom Gourmet lançou seu próprio aplicativo, o Geocook. Ele é disponível para IOS e Android e contém um mapeamento com mais de 500 restaurantes e bares espalhados pela cidade, com informações sobre cardápio, preço, horário de funcionamento e endereço.

Confira a seguir alguns lugares que entraram nessa nova onda:

Babilônia

aplicativo mais um babilonia

Pelo aplicativo é possível consultar os pratos mais pedidos da casa, conferir o valor da conta ou pedir um chope. Foto: Divulgação.

No fim de fevereiro de 2014, o Babilônia Gastronomia lançou o Mais Um!, um aplicativo gratuito que tem várias funções e permite que o cliente realize algumas ações apenas com um clique. Por exemplo, é possível consultar os pratos mais pedidos da casa, conferir o valor da conta ou pedir um chope, além de encontrar a rota para cada unidade da rede.

No momento, o programa é disponível apenas para Android, mas no futuro será lançada também a versão para IOS. Ao fazer o cadastro pela primeira vez, o cliente ganha um chope cortesia.

Para atender os turistas estrangeiros que invadirão Curitiba durante a Copa do Mundo, a partir de maio, o aplicativo será disponibilizado também em inglês e espanhol. Nas redes sociais, as informações serão fornecidas também em italiano, francês, persa e russo.

Em breve começará a funcionar também no restaurante Mediterrâneo, que faz parte do mesmo grupo.

aplicativo babilonia

Ao fazer o cadastro, o cliente ganha um chope cortesia. Foto: Divulgação.

Devassa

aplicativo devassa

Com o app do Devassa é possível reservar uma mesa, conferir a programação das casas e as novidades do cardápio. Foto: Divulgação.

No final de março, a cervejaria lançou uma nova ferramenta para IOS e Android que permite ao cliente reservar uma mesa, conferir a programação das casas, futuros eventos e novidades no cardápio, além de ouvir a Rádio Devassa.

O aplicativo possui ainda um espaço para fotos dos clientes que são publicadas com a hashtag da casa no Instagram. Para o segundo semestre do ano, será possível também fazer o pedido e fechar a conta, tudo via celular. Em breve, vai funcionar também uma rede social exclusiva para os clientes logados no aplicativo.

Pizzaria Carolla Itupava

carolla itupava

O aplicativo Wine Tag sugere as melhores harmonizações de vinho e comida. Foto: Henry Milléo / Gazeta do Povo

Quer saber qual é o melhor vinho para harmonizar com um prato ou procura informações sobre um determinado rótulo? A unidade do Alto da XV da Carolla Pizzaria introduziu há cerca de seis meses o Wine Tag, um aplicativo com informações e sugestões de harmonização de pratos.

O aplicativo pode ser baixado gratuitamente no celular – tanto no sistema IOS quanto Android – ou pode ser utilizado nos três iPads disponibilizados na casa. Ele contém a carta de vinhos completa e sugere a melhor harmonização com cada prato do restaurante.

Além disso, fotografando a garrafa de vinho com o smartphone, o cliente terá acesso à ficha técnica completa de cada rótulo. Ao todo são cerca de 350 rótulos. O aplicativo sugere ainda a melhor harmonização de café com sobremesas e, em breve, será possível fazer o mesmo com a cerveja. A mesma tecnologia será utilizada a partir dos próximos meses nas outras unidades da rede.

Gardeno

tablet gardeno restaurante

Na casa é possível consultar a carta de vinhos pelo tablet. Foto: Divulgação.

No restaurante, as telas de smartphones e tablets estão substituindo aos poucos o papel. A carta de vinhos já está disponível tanto no papel quanto na versão eletrônica.  Para consulta, a casa disponibiliza dois iPads que circulam entre as mesas.

“Já que há sempre novos rótulos entrando e saindo, a carta de vinhos eletrônica é mais fácil e rápida de atualizar”, explica a proprietária Maredith Pereira Ribeiro Sell. Ao todo, são mais de 40 rótulos de vinhos e 22 destilados.

Grupo Victor

Três restaurantes da rede – o Bar do Victor, o Bistrô do Victor e a Trattoria do Victor – substituíram a tradicional carta de vinhos pela versão eletrônica. Em cada uma das casas, há alguns tablets disponíveis para consulta. Com um clique, o cliente pode escolher o vinho que preferir entre centenas de rótulos.

“Os consumidores aprovaram a mudança e gostaram dessa nova fórmula que permite buscar vinhos filtrando por tipo de uva, preço e país de origem”, explica Luciano Basuc, sommelier do Bar do Victor.

Tags: tecnologia
Compartilhe

8 recomendações para você