Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Caderno G
  3. Morre a atriz paranaense Lala Schneider

Teatro

Morre a atriz paranaense Lala Schneider

  • Gazeta do Povo Online
  • Atualizado em às
 |
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Morreu na manhã desta quarta-feira (28), em Curitiba, a atriz paranaense Lala Schneider, aos 80 anos. Segundo a família, a atriz estava bem de saúde, apenas com problemas na coluna e de ansiedade. Familiares tentaram acordar Lala Schneider por volta das 10h e chegaram a chamar uma ambulância. O corpo passou pelo Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba para que a causa da morte fosse identificada e seguiu para o velório, que acontece no hall de exposições do Teatro Guaíra a partir das 17h. O enterro está marcado para acontecer a partir das 10h desta quinta-feira (1.º) no Cemitério do Boqueirão, na capital.

Lala Schneider nasceu em Irati, em 23 de abril de 1926. Ela é considerada a primeira dama do teatro no Paraná e já foi considerada uma das cinco melhores atrizes do Brasil. Atriz de teatro, televisão, cinema, diretora e professora de interpretação, subiu pela primeira vez em um palco em 1950, na peça "O Poder do Amor", no teatro do Sesi.

A partir daí, Lala fez inúmeras montagens e ganhou 16 prêmios entre eles o Troféu Gralha Azul na categoria Melhor Atriz em 1984-1985 (Colônia Cecília) e em 1992-1993 (O Vampiro e a Polaquinha). Ao todo, foram 99 peças, nove filmes e oito novelas em 52 anos de carreira. Na Rede Globo, Lala fez participações em novelas como “Lua cheia de amor” e “Felicidade”, além da minissérie “Tereza Batista”.

No cinema, a atriz Schneider trabalhou principalmente com cineastas paranaenses. Ela fez “Guerra dos Pelados”, “Aleluia Gretchen” e “Making of Curitiba”, de Sylvio Back, “O Cerco da Lapa”, de Berenice Mendes, “Maré Alta”, de Egídio Élcio, entre outros. Seu último trabalho local foi o filme "Mistéryus", que ainda não estreou, baseado em contos de Valêncio Xavier.

Em homenagem à atriz, há 13 anos o diretor João Luiz Fiani inaugurou seu teatro em Curitiba com o nome de Fundação Teatro Lala Schneider. Recentemente, Lala foi homenageada na exposição "Heroínas", que está em cartaz no Shopping Crystal, um trabalho de fotografias feitas pelo curitibano Cayo Vieira para um calendário com atrizes paranaenses de destaque. Lala representou a personagem Clara, da peça "A Visita da Velha Senhora", de Friedrich Dürrenmatt.

Em 2004, Lala Schneider recebeu do Centro Cultural Teatro Guaíra, a Medalha Comemorativa dos 50 anos do Guairinha (Auditório Salvador de Ferrante), homenagem concedida às personalidades que fizeram parte da história do teatro paranaense.

Confira a última entrevista de Lala Schneider ao jornal Gazeta do Povo, publicada em novembro de 2005.

Atores e diretores como João Luiz Fiani, Ary Fontoura, Regina Vogue e George Sada lamentam a morte de Lala Schneider

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE