Orquestra Contemporânea de Olinda está na estrada desde 2008 | Beto Figueiroa/Divulgação
Orquestra Contemporânea de Olinda está na estrada desde 2008| Foto: Beto Figueiroa/Divulgação

A mistura de ritmos regionais com influências dançantes e música popular da Orquestra Contemporânea de Olinda (OCO) poderá ser conferida pelo público curitibano no próximo domingo (17). O grupo apresenta o show de lançamento do álbum “Bomfim” às 20 horas no Auditório Antônio Carlos Kraide, no Portão Cultural.

Serviço

Orquestra Contemporânea de Olinda lança “Bomfim”

Domingo (17) , às 20h Auditório Antônio Carlos Kraide – Portão Cultural (Av. República Argentina, 3430, Portão)

Ingressos: R$ 26 (inteira) e R$ 16 (meia entrada), à venda pelo Disk Ingressos.

Mesclando influências de candomblé, os cocos de umbigada e maracatu, a Orquestra Contemporânea de Olinda lançou seu primeiro disco em 2008, conquistando indicações ao Prêmio da Música Brasileira, Grammy latino e se apresentando no Lincoln Center, em Nova York, na sua primeira turnê pelos EUA. Em 2012, o grupo lançou o disco “Pra ficar”.

O disco “Bomfim” tem produção e direção musical assinadas por Juliano Holanda e pela orquestra. Os músicos Gilú Amaral (percussão), Rapha B (bateria), Hugo Gila (baixo), Juliano Holanda (guitarra), Tiné e Maciel Salú (vocais) e o maestro Ivan do Espírito Santo (saxofone) formam um trio de metais (trompete, trombone e tuba) vindo do Grêmio Musical Henrique Dias, primeira escola profissionalizante de frevo de Olinda. O álbum pode ser ouvido gratuitamente na plataforma Deezer.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]