Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Flávio de Souza: Monteiro Lobato como grande mestre | Paulo Giandalia/Folha Imagem
Flávio de Souza: Monteiro Lobato como grande mestre| Foto: Paulo Giandalia/Folha Imagem

Flávio de Souza é a prova concreta de que idade é algo relativo. Com pouco mais de 50 anos, o também ator e diretor conserva um espírito jovem que se impregna em toda as suas obras.

"Bom de papo", Flávio – responsável por sucessos como a séries Mundo da Lua e Castelo Rá-Tim-Bum – revela, em linhas gerais, o segredo de conquistar a atenção – e muitas vezes o coração – das crianças e dos adolescentes. "Tem que contar a história de um jeito bem-humorado. Aliás, tem muita gente que começa a escrever e esquece exatamente da história...", alfineta o autor.

Para ele, participar do musical do Sítio é a realização de um sonho antigo. "Quando terminei a minha participação como roteirista no programa da Xuxa, pensei em me oferecer para trabalhar no Sítio. Daí, tiraram o programa do ar", ri.

A admiração de Souza por Lobato é tão grande que – em um dos seus maiores êxitos editoriais, a série Que História É Essa? (Companhia das Letrinhas),– ele repete, de certa forma, uma ideia do pai da Emília. "Gosto muito da liberdade criativa dele. Por isso, esses livros mostram histórias conhecidas, mas da perspectiva de personagens secundários", explica. Um exemplo vem do clássico Pinóquio. O autor recontou a história colocando a baleia que engoliu Gepeto como a protagonista.

Inspirado a escrever para o público infanto-juvenil desde o nascimento dos filhos – Leonardo, 30 anos, e Theodoro, 18 – e sobrinhos, Flávio se prepara para uma outra fase na carreira. "Nasceu agora minha neta, a Flora. Vai começar uma nova etapa de ideias e inspirações", diverte-se.

Veja também
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]