Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
  • Ícone FelizÍcone InspiradoÍcone SurpresoÍcone IndiferenteÍcone TristeÍcone Indignado
Designer é o agente transformador da sociedade
| Foto: Divulgação
  • Por Centro Brasil Design
  • 30/11/2020 13:33

coreana Unist criou algo que pode ajudar a milhares de pessoas que não têm acesso à água potável. O Aquasis é um kit de dessalinização de água do mar. Quando a bateria é carregada com a luz do sol, a água do mar é transformada em água doce. Além disso, a luz na tampa é alimentada pela bateria e pode ser usada como iluminação. O produto foi um dos vencedores do iF Design Award 2020, na disciplina de Design de Conceito Profissional.

Outra coreana (os asiáticos estão entre os maiores vencedores do prêmio), a Asan Medical Center criou um aplicativo que resolve o problema da falta de intérpretes de línguas em hospitais e clínicas. O aplicativo trabalha com imagens e gráficos para facilitar a comunicação entre pacientes e equipe médica e atende todas as situações e procedimentos possíveis, desde a internação até a alta hospitalar. Os pacientes simplesmente apontam para imagens do aplicativo que representam partes do corpo para indicar onde estão enfrentando dificuldades. Ele venceu na disciplina Design de Serviço.

Esses dois exemplos incluíram o trabalho de um designer, um profissional que atua como agente transformador da sociedade. E concursos, como o iF Design Award, reconhecem o trabalho do profissional e suas equipes.

Juliana Buso, Coordenadora de Projetos e Relações Internacionais do Centro Brasil Design (escritório representativo do prêmio no Brasil), diz que o designer é um profissional que soluciona problemas e pensa como melhorar soluções existentes. “Tanto o designer de produto quanto o de serviços são focados no usuário. O de produto é mais focado em como o usuário usa os produtos e o de serviço mais na jornada de um serviço. Mas ambos têm habilidades que visam soluções inteligentes”, explica.

Disciplinas 

O iF é considerado o mais completo prêmio de design. Um dos motivos são as disciplinas da premiação. São sete: Arquitetura, Design de Comunicação, Arquitetura de Interiores, Design de Embalagem, Design de Produto, Design de Conceito Profissional e Design de Serviço.

Juliana, do CBD, explica que existe uma pesquisa de mercado global da parte do iF para definir essas disciplinas. Uma das incluídas recentemente foi a Design de Serviço. “São as categorias em que o design tem maior destaque e atuação em seus segmentos”, afirma. “O design é transversal. Ele permeia por todas essas disciplinas”, completa. Confira um pouco sobre cada disciplina:

Arquitetura 

A categoria mais conhecida pelo público destaca como a vida residencial mudou. Um dos exemplos é que há cada vez menos espaço para morar e cada vez mais o aproveitamento das áreas externas. As pessoas precisam de espaços públicos bem planejados para se encontrar e relaxar. É também nisso que os estúdios e designers premiados se concentram no seu trabalho.

GGL House
GGL House| Studio AG Arquitetura

Design de Comunicação 

No meio de um mundo repleto de informação, uma mensagem e linguagem de negócios bem definidas e de fácil acesso são essenciais. Depois de Design do Produto, essa é a disciplina com maior diversidade. Ela abrange desde identidade corporativa e marca, aplicativos e software até interfaces de usuário.

Maringá Futebol Clube
Maringá Futebol Clube| Brandigno

Arquitetura de interiores 

Hotéis, restaurantes e bares dominam os posts do Instagram. Por isso mesmo, eles também estão fortemente presentes na disciplina Arquitetura de Interiores de 2020. Além de “instagramáveis”, eles também mostram como os designers conseguiram incorporar cultura e tradição aos seus designs (a valorização da tendência hiper-local).

Design de Embalagem 

Esta disciplina é a em que mais se distingue as tradições e peculiaridades de cada país. Grande parte dos vencedores ganhou por suas embalagens para bebidas (especialmente Europa), lúdicos e para doces; para produtos de beleza e saúde (especialmente Ásia) e embalagens de alimentos ou eletrônicos (EUA). Os dois vencedores de Ouro desta edição vêm da Alemanha, com embalagem para bebidas e da China para chá.

O Boticário - Boti Baby
O Boticário - Boti Baby| Bendito Design

Design de Produto 

Esta é a maior disciplina do iF Design Award 2020. E também a que reflete a maior diversidade. Uma das tendências apontadas é a tecnologia inteligente, seja no segmento doméstico / talheres ou no de banheiro e cozinha. Os perfis dos vencedores do prêmio iF Gold mostram uma grande diversidade entre a Europa, a Ásia e os EUA.

Design de Conceito Profissional 

Essa é uma das disciplinas que mais mostra como o design influencia e pode influenciar nossa vida cotidiana. As categorias mais premiadas são de mobilidade e saúde. Como se movimentar melhor em grandes cidades? Quais são os melhores serviços de saúde num momento como o atual? É isso que os designers pretendem responder.

Design de Serviço 

É a disciplina mais jovem e a que mais cresce. Isso demonstra a importância dos bons serviços, seja um aplicativo de comida saudável ou a experiência do cliente em uma seguradora. Neste ano os vencedores vieram de 12 países.

Juliana acredita que o Brasil (em termos de design) cresceu muito. “O brasileiro sempre foi criativo”, diz. Ela acrescenta que os designers estão mais inventivos e mais tecnológicos. “Eles conversam com a engenharia, com o marketing, entendem a marca de uma forma mais linear”, diz.

Saiba mais sobre o CBD e a ponte que ele faz entre as empresas e os designers no site www.cbd.org.br