Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Tem medo de falar em público? Aprenda como vencê-lo
| Foto: ShutterStock
  • Por FEBRACIS
  • 07/10/2020 17:16

Você sabia que o medo de falar em público chega a ser maior do que o medo da morte? Foi o que revelou uma pesquisa feita pelo jornal britânico Sunday TimesMais de 40% apontaram falar em público como seu maior medo. O temor de conviver com problemas financeiros foi indicado por 22% e medo de doenças e da morte foi respondido por 19% dos entrevistados.

Ter uma boa oratória é importante para qualquer pessoa, seja para falar em reuniões de trabalhocomunicar-se com mais eficiência ou até mesmo para palestrar para uma grande plateia.

Entre as principais técnicas para falar bem diante de muitas pessoas, estão respirar fundo e tentar se acalmar antes da apresentação, preparar bem o que vai falar e estudar bastante sobre, olhar nos olhos das pessoas que estão assistindo, manter uma boa postura (a linguagem não verbal também é essencial) e falar de forma clara, nem rápido demais e nem muito devagar.

Porém, muitas vezes as pessoas têm todas as técnicas possíveis para se sobressair nesta tarefa, mas “travam” quando estão diante de um microfone e uma plateia. “Elas sabem o que fazer. Estão cientes de que precisam olhar o quadrante, quebrar o gelo. Mas elas não conseguem”, comenta Daniella Kirsten, diretora Febracis Curitiba e Maringá. É aí que entra a questão emocional.

Daniella explica que as pessoas têm medo do julgamento, da exposição e medo de errar. “Então ela fica com aquela crença de que está vulnerável e acaba se limitando”, afirma.

E não são apenas pessoas “comuns” que têm esse receio. Dentro da lista de famososque também possuem esse medo, estão Thomas Jefferson (o terceiro presidente dos Estados Unidos), Mahatma Gandhi, o empresário Warren Buffett e até o ator Rowan Atkinson (que interpreta o icônico Mr. Bean).

Daniella acrescenta que até mesmo a educação que recebemos é um componente importante deste medo, principalmente se a criança foi muito criticada ou mesmo sentiu medo em uma apresentação e não foi orientada corretamente.

A Febracis trabalha essa reprogramação de crenças dentro do Método CIS, maior curso de inteligência emocional, que em sua última edição teve mais de89 mil participantes online simultaneamente, conta Daniella.

Outro curso da Febracis que pode ajudar empresários, gestores e demais profissionais é o Oradores e Palestrantes, que ocorre em edição online e ao vivo. Além de aprender técnicas usadas por grandes oradores da história, o curso oferece ferramentas de impacto emocional e novas crenças. Em Curitiba e Maringá, esse curso vai ser realizado entre os dias 14 e 16 de outubro.

Em Curitiba, a unidade fica na Rua Mateus Leme, 1245. (41) 4101-1037

Em Maringá, na Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, 632, (44) 3052-0508. Na unidade, além de atendimento ao público, há uma loja com livros e demais itens relacionados.

Saiba mais em www.febracis.com.br