Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Comerciantes do Juvevê decoram rua em comemoração ao Dia da Árvore. | Aniele Nascimento / Gazeta do Povo/
Comerciantes do Juvevê decoram rua em comemoração ao Dia da Árvore.| Foto: Aniele Nascimento / Gazeta do Povo/

Árvores decoradas com fitas coloridas, oficinas de plantio, conscientização ambiental e alimentação saudável. É este o cenário para quem passa pela Rua Moysés Marcondes, entre as ruas Alberto Folloni e Euzébio da Motta ,no bairro Juvevê, em Curitiba, nesta sexta-feira (21), preparado por comerciantes em comemoração ao Dia da Árvore.

A iniciativa, organizada por cinco estabelecimentos surgiu de uma necessidade em comum dos moradores: fortalecer os laços entre a comunidade local, atraindo as pessoas para causas ambientais e ao mesmo tempo valorizar o potencial de Curitiba, que é umas das cidades mais arborizadas do país.

- Leia também - Último dia do inverno, sexta-feira será sem chuva e com calor em Curitiba

A instrutora de yoga Paula Bastos, 53 anos, conta que a ideia apareceu há um mês e as primeiras decorações começaram segunda-feira (17), com o propósito de chamar a atenção dos pedestres que caminhavam pelo local. Além disso, as ações são também um convite para a vizinhança se unir.

“Todos temos um jardim e nosso objetivo é trazer uma pausa consciente sobre a questão das árvores e promover a troca comunitária. A ideia é abrir as portas, convidar as pessoas para tomarem um chá. No meu espaço, temos uma oficina de suculentas onde as pessoas podem aprender a plantar usando objetos recicláveis que elas tem em casa”, conta.

Árvore com fitas coloridas, ideia é chamar atenção de quem passa na rua Aniele Nascimento

Esta é a primeira ação organizada pelo grupo, mas que pode ser uma semente para o futuro, como reforça Paula Bastos. “Temos que ir contra essa situação de medos, solidão e violência e a ideia é se unir. Todo mundo tem filho, todo mundo quer uma coisa melhor para o futuro e por isso queremos movimentar a comunidade em conjunto”, finaliza.

- Veja mais - Primeira etapa de recuperação do Centro Histórico de Curitiba começa em outubro

Além da decoração das árvores, outras ações promovidas pelos espaços são aulas de inglês para crianças, sobre a importância da terra e o próprio contato com a terra e oficinas sobre alimentação saudável e temperos . Todas as atividades são gratuitas , abertas para a comunidade e acontecem em dois horários: das 10h às 12h e das 17h às 18h.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]