Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...
Imóvel do centro religioso após o incêndio controlado
Imóvel do centro religioso ficou parcialmente destruído| Foto: Reprodução/ Facebook

Na segunda vez em menos de dez dias, um espaço religioso pegou fogo em Curitiba. Desta vez, a ocorrência foi em um terreiro de umbanda no bairro Vila Izabel, na madrugada desta quinta-feira (1°.). As chamas começaram por volta das 2h30 e consumiram, em minutos, boa parte do imóvel.

A Polícia Civil investiga o caso. Ao contrário da ocorrência do último dia 24 de julho, em que câmeras de segurança flagraram o momento em que duas pessoas atearam fogo em um centro espírita em construção no bairro Portão, desta vez não havia, até o fim da manhã desta quinta, indícios fundamentados de crime. A hipótese, no entanto, não está descartada pelos investigadores.

Conforme a polícia, apenas o laudo da perícia é que vai apontar a origem das chamas. "Já fizemos a requisição para a criminalística comparecer no local. Uma pessoa ligada ao terreiro disse que pessoas teriam visto um indivíduo circulando com um foguete, mas disse isso de maneira informal ", comentou o delegado José Vitor da Silva Pinhão, do 9° Distrito Policial.

Nas redes sociais, fotos dos estragos mostram o telhado do imóvel totalmente dizimado. Nesta sexta (2), o terreiro das Marias acrescentou que a ação rápida do Corpo de Bombeiros impediu que o fogo se alastrasse para imóveis próximos e comprometesse o restante da estrutura.

Em nota, a casa acrescentou ainda que não havia cortinas na parte do barracão e que, por isso, está descartada a hipótese de que as chamas tenham começado nos tecidos. O terreiro foi interditado para os trabalhos da perícia.

1 COMENTÁRIOSDeixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]