192256

Seu app Gazeta do Povo está desatualizado.

ATUALIZAR

PUBLICIDADE
  1. Home
  2. Curitiba
  3. Solução simples faz maternidade de Curitiba ter alto índice de aleitamento materno

saúde infantil

Solução simples faz maternidade de Curitiba ter alto índice de aleitamento materno

Curativo feito de compressas criado pela equipe da Maternidade Bairro Novo protege as mães de fissuras nos mamilos, feridas que levam muitas delas a desistir de amamentar

  • Gazeta do Povo
Fonoaudióloga Ana Cristina de Castilhos Rosa, uma das idealizadoras do curativo rosquinha para proteger os mamilos das mães na Maternidade Bairro Novo. | Luiz Costa / prefeitura de Curitiba
Fonoaudióloga Ana Cristina de Castilhos Rosa, uma das idealizadoras do curativo rosquinha para proteger os mamilos das mães na Maternidade Bairro Novo. Luiz Costa / prefeitura de Curitiba
 
0 COMENTE! [0]
TOPO

Uma solução simples criada pela equipe da Maternidade Bairro Novo, no Sítio Cercado, em Curitiba, tem ajudado as mães a enfrentar o desconforto causado por fissuras nos mamilos no momento de amamentar. A partir de compressas enroladas, a equipe tem contribuído para que as mães atendidas na unidade médica não desistam de amamentar seus bebês. Graças à técnica, a Maternidade Bairro Novo tem um dos índices mais altos de aleitamento materno na cidade: 98,3% das mães atendidas pela unidade alimentam seus filhos com o próprio leite. Em média, a unidade faz 200 partos por mês.

A técnica surgiu em 2017. Em um encontro da Comissão de Aleitamento Materno do hospital, a médica obstetra Tatiana Berlinsky e a fonoáudióloga Ana Cristina de Castilhos Rosa apresentaram a solução prática, barata e eficiente: enrolar compressas no formato de rosquinhas para proteger os mamilos.

- Leia também - Curitibano compra e restaura ônibus de 1979 para realizar sonho de infância

As lesões são causadas pela “pega” incorreta do bebê no mamilo. Para cicatrizar o ferimento, é preciso manter o mamilo sempre seco, mas sem contato direto com nenhum tipo de tecido, incluindo o de camisetas, o que pode irritar ainda mais a fissura. Com a rosquinha, a umidade é absorvida e o mamilo protegido.

/ra/pequena/Pub/GP/p5/2019/01/12/Curitiba/Imagens/Vivo/amamentacao maternidade curitiba 2.jpg
Técnica do curativo rosquinha foi disseminados pelas enfermeiras e mães da Maternidade Bairro Novo.Luiz Costa

- Veja mais - Calouro veterano: 1º lugar geral do vestibular da UFPR tem 34 anos e já é formado pela USP

“Ensinamos às enfermeiras como fazer o material usando compressa e elas aperfeiçoaram a técnica”, conta Ana. “É uma solução simples e barata e um dos principais benefícios é dar uma opção de conforto para mãe que não seja com medicamentos”, complementa a fonoaudióloga em entrevista ao site da prefeitura de Curitiba.

Nos primeiros meses, os curativos eram oferecidos somente para mães com fissuras mais graves nos mamilos. Como a iniciativa deu resultado, a equipe decidiu estender a proteção para todas as mães.

O protetor é descartável e deve ser trocado sempre que ficar umedecido. Após receber alta da maternidade, as mães podem seguir aplicando a técnica com outros materiais, como fraldas.

A Maternidade Bairro Novo tem o selo Hospital Amigo da Criança dado a unidades que seguem as orientações da Unicef (o braço de políticas públicas da infância da Organização das Nações Unidas) tanto para o aleitamento materno, quanto para o parto humanizado.

8 recomendações para você

deixe sua opinião

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE