i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Mercado

Bovespa sobe no dia mas cai 2 por cento na semana

  • PorBrasil Online/Reuters/O Globo Online
  • 08/06/2007 15:39

A Bolsa de Valores de São Paulo teve uma sessão bastante volátil nesta sexta-feira, mas encerrou em alta na esteira dos ganhos em Wall Sreet. A valorização, no entanto, foi insuficiente para equilibrar as perdas da semana, que terminou com recuo de 2 por cento.

Na última sessão da semana, o mercado abriu em baixa de 2,2 por cento, ajustando-se à queda acentuada registrada na véspera pelos mercados globais, mas foi se recuperando ao longo do dia.

"Lá fora ajudou bastante. Dá a impressão que o mercado busca uma justificativa para realizar lucros mas não consegue", comentou o gestor de uma corretora nacional que prefere não ser identificado.

O principal indicador da bolsa paulista fechou o dia com alta de 0,54 por cento, a 52.329 pontos. No ano o ganho é de 17,6 por cento.

O volume financeiro foi alto para um pregão espremido pelo feriado de Corpus Christi: 4,2 bilhões de reais, ligeiramente acima da média diária do ano.

Nos Estados Unidos, o Dow Jones avançou 1,19 por cento e o índice de principais ADRs brasileiros exibiu valorização de 2,89 por cento. Na véspera, os índices caíram 1,48 por cento e 3,10 por cento, respectivamente, diante de preocupações do mercado global com juros mais altos no mundo.

Nesta sexta-feira, o rendimento do título de 10 anos do Tesouro dos EUA chegou a atingir 5,25 por cento pela manhã, mas depois recuou para 5,12 por cento, o que contribuiu para a melhora dos mercados.

"Eu não estou muito concordante com a expectativa de recrudescimento inflacionário na Europa e nos EUA, muito pelo contrário, acho que os indicadores norte-americanos já estão começando a convergir para uma zona de maior conforto do Fed", disse Álvaro Bandeira, diretor da Ágora Senior CTVM.

Segundo Bandeira, porém, a estimativa de aceleração da economia dos EUA no segundo trimestre retarda a perspectiva de corte de juro pelo banco central norte-americano. "A gente trabalhava com uma redução do juro (dos EUA) no início do terceiro trimestre e agora a gente já está empurrando para o quarto trimestre."

Petrobras sobe

Na bolsa paulista, a blue chip Petrobras subiu 1 por cento, para 47,40 reais, mesmo com a forte baixa do preço do petróleo no mercado internacional.

"Ela é um papel estratégico para administrar o índice. Vale do Rio Doce subiu demais no ano passado e neste, então perdeu um pouco essa função. Já Petrobras subiu bem menos que o índice Bovespa e esse ano a mesma coisa", explicou o gestor da corretora nacional.

Depois do fechamento do mercado, a Petrobras divulgou a descoberta de óleo leve em águas profundas no mar do Espírito Santo

Os papéis preferenciais da Companhia Vale do Rio Doce perderam 1,1 por cento nesta sessão, para 72,70 reais.

O pregão desta sexta-feira foi o primeiro depois do corte de 0,5 ponto percentual na taxa básica de juro pelo Comitê de Política Monetária, para 12 por cento ao ano. Embora a maioria do mercado já esperasse uma redução dessa magnitude, durante a quarta-feira os investidores mostraram cautela depois da divulgação de IPCA acima do esperado.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Política de Privacidade.