• 30/09/2020 09:47
Mercado

Sem acordo, Embraer e sindicato levam disputa sobre demissões ao TRT

  • 30/09/2020 09:47
  • PorEstadão Conteúdo
    Funcionários da Embraer entram em greve
    Sede da Embraer| Foto: Reprodução

    Depois de duas audiências de conciliação, a Embraer e o Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos não chegaram a um acordo envolvendo as demissões feitas na empresa durante a pandemia de Covid-19 na terça-feira (29). A disputa agora será resolvida no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) após a Corte sugerir cancelamento das demissões. O sindicato subiu o tom contra a empresa após a Embraer anunciar no início do mês a demissão de mais de 900 trabalhadores. A fabricante alega que os cortes (cerca de 2,5 mil no total, considerando PDVs) vieram por causa da pandemia e do fracasso do acordo com a Boeing.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.