• 17/09/2019 10:19
Aviação

Participação da Infraero nos aeroportos privados será vendida até 2020

  • 17/09/2019 10:19
  • PorEstadão Conteúdo
    O presidente da estatal negou boatos de que ela será liquidada nos próximos anos
    O presidente da estatal negou boatos de que ela será liquidada nos próximos anos| Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo

    A venda da participação da Infraero nos quatro aeroportos concedidos à iniciativa privada entre 2012 e 2013 será realizada a partir do início do segundo semestre de 2020. A informação foi dada pelo presidente da estatal, o brigadeiro Hélio Paes de Barros, na segunda-feira, 17. A empresa é detentora de 49% dos aeroportos de Guarulhos (SP), Brasília (DF), Galeão (RJ) e Confins (MG).

    A companhia está em fase de contratação da consultoria que fará a avaliação dos ativos para colocá-los no mercado. Depois disso, terá que ser definida a modelagem dessa venda, que faz parte do Programa de Parcerias de Investimento (PPI). Os atuais sócios majoritários dessas concessões são tidos como os principais candidatos à compra dessas fatias, mas Paes de Barros avalia que tudo dependerá da modelagem adotada.

    "O 'valuation' vai me dizer, por exemplo, se vale a pena abrir o capital, como os acionistas vão se comportar, se vão permitir que o outro tenha direito a voto também. Coisas dessa natureza que podem valorizar mais o ativo, inclusive quem tem os 51%, e faça com que o negócio possa ser melhor para todas as partes", afirmou.

    Tudo sobre:

    Comentários [ 0 ]

    Máximo 700 caracteres [0]

    O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.