i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Usina

Eletrobras vê benefício para Belo Monte com Venezuela

Países serão integrados por meio da concessão de uma linha de transmissão até Boa Vista

  • PorAgência Estado
  • 22/08/2011 10:26

A partir da integração do Brasil com a Venezuela, por meio da concessão de uma linha de transmissão até Boa Vista, o diretor de Geração da Eletrobras, Valter Cardeal, afirmou que a usina de Belo Monte, no Pará, terá ganhos energéticos. De acordo com o executivo, será possível com essa interligação integrar as operações da hidrelétrica com a usina Guri, na Venezuela, melhorando o aproveitamento energético do projeto brasileiro.

A usina de Belo Monte tem uma capacidade instalada de 11 mil megawatts (MW), porém o seu aproveitamento energético gira em torno de 4,5 mil MW médios por se tratar de uma usina sem reservatório. A baixa geração de energia tem sido alvo de críticas de ambientalistas contrários ao empreendimento. Cardeal contudo, lembrou que o ciclo de geração da usina é complementar ao de outras grandes usinas hidrelétricas brasileiras. "O regime de geração de Belo Monte é complementar ao de Tucuruí e Itaipu", afirmou o executivo, que participou de evento promovido pela revista CartaCapital, em São Paulo.

No mesmo evento, o presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Maurício Tolmasquim, disse que a autarquia já está trabalhando no projeto de interligação da usina de Belo Monte ao sistema de transmissão brasileiro. De acordo com o executivo, o projeto atual prevê uma linha de transmissão de corrente contínua para o Sudeste e uma de corrente alternada para o Nordeste.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.