i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Administração

Em busca de criativos mais completos

  • Por
  • 01/01/2009 21:24

Agências querem gestão eficiente

Com 27 funcionários, a Wow! Comunicação pode ser considerada uma empresa de pequeno porte. Mas, sob o ponto de vista da gestão, o modelo adotado pela agência curitibana se assemelha mais com o de uma grande organização.

Leia matéria completa

A melhoria na gestão vai além da área administrativa, na opinião do publicitário e professor da Miami Ad School da Escola Superior de Propaganda e Marketing (MAS/ESPM), Paulo André Bione. "No Brasil, e no mundo todo, as agências estão procurando profissionais mais completos. Publicitários que tenham atuação criativa além do departamento de criação." O melhor profissional, diz Bione, é aquele que tem ideias "fora da caixa". "As agências, e os clientes, querem pessoas que tenham versatilidade e inteligência para pensar além do formato tradicional.

Diante disso, diz o professor, a questão chave é: Quanto vale esta ideia? Ele acredita que as agências estão adaptando seus modelos de negócios – não mais baseados em veiculação em mídias tradicionais, que garantiam a receita através das verbas de bonificação. "Antigamente, todo mundo ganhava dinheiro de uma forma só: com mídia tradicional. Agora é preciso buscar soluções novas, tendo em vista a pluralidade de formas de comunicação", diz. (CS)

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.