i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Impasse

Faep consegue travar reeleição de Kátia Abreu na CNA

  • PorDa Redação, com Agências
  • 11/10/2014 19:02

A Justiça do Trabalho concedeu liminar que suspende a reeleição de Kátia Abreu em uma chapa única para a presidência da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). A ação foi aberta pela Federação da Agricultura do Paraná (Faep), que comemorou a decisão provisória.

A eleição estava marcada para dia 14, mas dia 21 as partes ainda estarão prestando esclarecimentos à Justiça. Cabe recurso à CNA no processo, que pode garantir a eleição cassando a liminar. A entidade informou que Kátia Abreu, reeleita senadora por Tocantins (PMDB), encontra-se afastada até dia 27 e que não foi notificada sobre a suspensão da eleição. Por isso, não comentou a liminar.

O processo tramita na Justiça do Trabalho por ser um dos foros jurídicos para conflitos de entidades de classe. A decisão do juiz Ricardo Machado Lourenço Filho, divulgada ontem, reforma sua avaliação de uma semana atrás, quando a liminar foi negada. Ele recebeu informações da própria CNA e, agora, considera que os argumentos da Faep são plausíveis.

Irregularidades

A entidade alega que houve irregularidades no processo eleitoral. O presidente da Federação da Agricultura da Bahia, João Martins da Silva Júnior, que tenta se manter como vice de Kátia Abreu, coordenou o próprio processo eleitoral. São questionadas as candidaturas de 11 dos 16 integrantes da chapa única.

A Faep questiona ainda gastos de mais de R$ 31 milhões sem a devida comprovação. Trata-se das contas de 2013, que acabaram sendo aprovadas em assembleia. A CNA administra mais de R$ 70 milhões por ano.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.