i

O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.

Fechar
A matéria que você está lendo agora+0
Informação faz parte do exercício da cidadania. Aqui você vê quanto está bem informado sobre o que acontece no governo federal.
Que tal saber mais sobre esse assunto?
Desoneração

Governo vai elevar valor dos computadores isentos de impostos

  • PorO Globo/Reuters/O Globo Online
  • 13/12/2006 18:35

O pacote de desonerações do governo federal, que deve sair na próxima semana, aumentará o valor dos computadores que podem ser vendidos com isenção de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para beneficiar também equipamentos comprados por microempresas.

Na chamada ``MP do Bem'', transformada em lei pelo Congresso este ano, o governo isentou de IPI computadores de mesa de até R$ 2,5 mil. Para os computadores portáteis (''notebooks''), o limite é de R$ 3 mil reais. O novo valor em estudo pelo governo deve elevar este teto para R$ 4 mil.

- (O aumento dos limites) está praticamente decidido, mas não anunciado - disse Furlan a jornalistas.

Ele não detalhou os novos limites de isenção, mas afirmou que beneficiarão as empresas que comprarem esses equipamentos.

- Os computadores mais baratos, com redução de impostos, estão eliminando também a competição desleal do contrabando, mas podemos fazer mais - disse o ministro do Desenvolvimento, Luiz Fernando Furlan.

Segundo Furlan, a venda de computadores portáteis cresceu 113% de janeiro a setembro deste ano em relação ao mesmo período de 2005. Já a venda de computadores de mesa cresceu 60% no período.

Ele adiantou ainda que já foi acertada a redução do percentual de 80% da produção exportada para a empresa ter direito à isenção de IPI. Furlan também confirmou que serão tomadas medidas para estimular o investimento privado em portos.

Câmbio

Segundo Furlan, o governo também estuda a adoção de medidas para compensar setores mais afetados pelo câmbio valorizado. Elas farão parte do pacote de iniciativas para estimular o crescimento econômico.

- Nós temos uma oportunidade nesse momento de corrigir algumas distorções - afirmou, destacando os setores de móveis e calçados e setores intensivos em mão-de-obra. -Vai ser um conjunto de medidas.'

O ministro previu que as exportações do país continuarão a crescer, ainda que em ritmo menor que as importações, mas que as contas externas não serão prejudicadas.

- Não vai acontecer uma situação de conflito, mesmo que o saldo (comercial) caia abaixo de 40 bilhões de reais, o que é provável, isso não é desconfortável.''

Furlan confirmou ainda que o pacote deverá ser anunciado na próxima semana. Nesta quinta-feira, de acordo com Furlan, haverá nova reunião dos ministros da área econômica com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para discutir as medidas.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]

Receba Nossas Notícias

Receba nossas newsletters

Ao se cadastrar em nossas newsletters, você concorda com os nossos Termos de Uso.

Receba nossas notícias no celular

WhatsApp: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

Comentários [ 0 ]

Máximo 700 caracteres [0]

O conteúdo do comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Consulte a nossa página de Dúvidas Frequentes e Termos de Uso.