Como você se sentiu com essa matéria?

  • Carregando...

O Ibovespa, principal indicador da Bolsa de Valores de São Paulo, abriu em queda nesta terça-feira, após ultrapassar os 62 mil pontos na sessão anterior e bater o quinto recorde de alta em seis pregões. O dólar subia 0,72%, para R$ 1,822.

Às 10h05, o índice caía 0,36%, para 62.119 pontos. A atenção dos investidores brasileiros deve se voltar para o cenário externo nesta terça-feira e há forte possibilidade da realização de lucros neste pregão da Bovespa em razão das recentes altas.

Está prevista para esta terça-feira a divulgação do índice de vendas pendentes de casas nos Estados Unidos. A previsão é de queda de 2% em agosto. Além disso, as montadoras americanas divulgam o resultado de vendas em setembro.

Merece atenção também para as notícias corporativas e para a divulgação de balanços referentes ao terceiro trimestre. Na segunda-feira, grandes bancos, entre eles o Citigroup, UBS e Credit Suisse, alertaram que os resultados do trimestre serão prejudicados pela exposição das companhias ao mercado de crédito imobiliário americano.

A notícia, que semanas atrás era algo temido pelos analistas, não teve efeito sobre os negócios, com o forte movimento de compra resultando em fechamentos recordes para as bolsas de São Paulo e Nova York.

Ainda esta semana, serão apresentados novos indicadores de atividade no Brasil e nos Estados Unidos. O dado de maior relevância da semana, o relatório sobre o mercado de trabalho, será conhecido na sexta-feira. Depois do fechamento de vagas em agosto, a estimativa é de que foram criados 100 mil novos postos em setembro.

Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros
Máximo de 700 caracteres [0]